0

Garantido em final, pugilista se preocupa com saúde do pai

27 out 2011
09h03
atualizado às 09h12

Em uma luta não tão complicada, mas muito barulhenta contra o mexicano Armando Piña, o pugilista Yamaguchi Falcão (até 81 kg) conseguiu se classificar para a final dos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara. No entanto, apesar de feliz, o brasileiro está preocupado com o estado emocional do pai dele, ex-boxeador.

Veja todos os resultados do Pan
Confira o quadro de medalhas
Assista aos vídeos do Pan de Guadalajara
Veja todos os ouros conquistados pelo Brasil

"É um orgulho muito grande. Meu pai deve estar explodindo de alegria. Na verdade, estou com medo que ele tenha algum problema de coração por tanta felicidade. Não tenho o que falar. Minha família pede para eu ficar em primeiro e estou buscando o ouro para o Brasil", afirmou Yamaguchi.

Touro Moreno, 75 anos, tem motivos de sobra para se emocionar. Antes de ver Yamaguchi alcançar a decisão do Pan de Guadalajara, ele comemorou a medalha de bronze de Esquiva Florentino, mais um herdeiro, no Mundial Amador, resultado que garantiu a classificação para a Olimpíada de Londres 2012.

Yamaguchi espera agora seguir os passos de Esquiva e também assegurar a vaga na Inglaterra no Pré-Olímpico do Rio de Janeiro, já em 2012.

Na semifinal dos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara, ele contou que esperava encontrar maiores dificuldades para vencer o lutador local Armando Piña. "Ele me apertou um pouco no último round, mas esperava uma luta mais complicada. A torcida estava muito em cima. Tive que lutar com ele e com o público. Minha tática foi usar o público como se fosse a meu favor", disse.

A trajetória de Yamaguchi no México vem sendo emocionante. Nas quartas de final, acusado de aplicar um golpe baixo no dominicano Felix Varela, ele chegou a ser desclassificado. A vaga na semi veio apenas após uma apelação dos representantes brasileiros. "Esse era o único jeito de ele me vencer. Não foi golpe baixo", disse.

Na briga pelo ouro no primeiro Pan-Americano, o brasileiro enfrenta o cubano Julio Cesar de La Cruz. Yamaguchi tem uma vitória e uma derrota diante do rival. O revés, garante ele, foi causado por uma cotovelada no supercílio, motivo pelo qual a arbitragem resolveu encerrar o combate. "Os cubanos são traiçoeiros mesmo", afirmou.

Minutos depois do combate de Yamaguchi, Roseli Feitosa não teve a mesma sorte. Como havia apenas sete competidoras na categoria, ela entrou direto na semifinal e perdeu para a dominicana Yenebier Guillen. Desta forma, ganhou o bronze sem vencer.

Abalada, Roseli passou diante da imprensa chorando e não deu declarações. Já o técnico Cláudio Aires criticou a atleta. "Nós voltamos do Cazaquistão fizeram um período de treinamento e ela ficou duas semanas na casa dela sem treinar. Pergunta para ela", sugeriu o técnico, claramente insatisfeito.

Pan 2011 no Terra

O Terra transmite simultaneamente até 13 eventos, ao vivo e em HD, dos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara via web, tablets e celular.Com uma equipe com mais de 220 profissionais, a maior empresa de Internet da América Latina realiza a mais completa cobertura da competição que acontece de 14 a 30 de outubro, trazendo, direto do México, a reação dos atletas, detalhes da organização e toda a competição, com conteúdo em texto, fotos, vídeos, infográficos e muita interatividade. Nas redes sociais, você acompanha a cobertura dos Jogos na fanpage do Terra , e confere os bastidores em tempo real no Facebook e no Twitter .

Acesse também a cobertura em:

http://m.terra.com.br/guadalajara2011
http://tablet.terra.com.br/guadalajara2011
http://wap.terra.com.br/pan2011/
http://www.facebook.com/TerraBrasil




Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

publicidade
publicidade