0

Japão tem dia de seca no Mundial de Judô; França vence 1º ouro

25 ago 2011
18h56
  • separator
Allan Farina
Direto de Paris (França)

O Mundial de Judô chegou a seu terceiro dia nesta quinta-feira e, pela primeira vez, o hino do Japão não foi escutado no Palais Omnisports de Bercy, em Paris. Soberanos na competição, os atletas do país asiático tiveram uma prata como melhor resultado. Já os franceses celebraram o ouro pela primeira vez no torneio e puderam cantar a Marselhesa, o hino francês, em uníssono no ginásio.

O título da casa foi obtido por Gevrise Emane, descendente de camaroneses que levantou a torcida da casa em uma difícil final contra a japonesa Yoshie Ueno, líder do ranking - o ouro veio somente na decisão (unânime) dos juízes.

A outra medalha dourada desta quinta foi obtida pelo sul-coreano Jae-Bum Kim, que superou o montenegrino Srdjan Mrvaljevic, algoz de Leandro Guilheiro, e garantiu o bicampeonato mundial.

O Japão segue líder do quadro de medalhas, com cinco ouros, quatro pratas e um bronze. A França assumiu o segundo lugar (um ouro, um bronze e um quinto lugar), enquanto a Coreia do Sul aparece em terceiro. O Brasil caiu para a quinta colocação.

Brasil iguala Tóquio

Para os brasileiros, a quinta-feira significou nova medalha, desta vez um bronze com Leandro Guilheiro (-81 kg). Nos dias anteriores, Sarah Menezes (-60 kg) também ficou com o terceiro lugar, e Leandro Cunha (-66 kg) e Rafaela Silva (-57 kg) levaram a prata. Com apenas três dias, o País igualou o número de pódios conquistados no Mundial de Tóquio, em 2010, quando foram obtidos três pratas e um bronze.

Para esta sexta-feira, quarto dia de competição e penúltimo do torneio individual - no último dia haverá competição por equipe -, o Brasil terá novos favoritos no tatame de Paris. Mayra Aguiar, atual vice-campeã mundial da categoria até 78 kg, tenta sua segunda final consecutiva. Outros atletas a competir serão Maria Portela (-70 kg), Tiago Camilo e Hugo Pessanha (-90 kg).

Gevrise Emane conquista o primeiro ouro francês no Mundial de Judô
Gevrise Emane conquista o primeiro ouro francês no Mundial de Judô
Foto: Reuters

Veja também:

Com seis atletas com Covid-19, Flamengo tem prova de fogo na Liberta em jogo no Equador
Fonte: Terra
publicidade