1 evento ao vivo

Rafaela Silva e COB desistem de caso de racismo por Twitter

31 jul 2012
12h25
atualizado às 13h43

O Comitê Olímpico Brasileiro (COB) informou nesta terça-feira que não dará prosseguimento ao caso de racismo que a judoca Rafaela Silva teria sofrido por meio do Twitter. A entidade repudiou o incidente e chegou a consultar seu departamento jurídico sobre o caso, mas a própria atleta optou por não buscar a Justiça.

» Saiba tudo sobre os medalhistas do Brasil em Londres
» Veja como foram as conquistas dos brasileiros
» Veja mapa e conheça tudo sobre o Parque Olímpico de Londres
» Confira a programação de ao vivo do Terra
» Veja a agenda e resultados dos Jogos de Londres

De acordo com Rosicléia Campos, treinadora da Seleção feminina, a judoca recebeu mensagens de cunho preconceituoso pela rede social após sua eliminação nas oitavas de final da Olimpíada de Londres na categoria até 57 kg.

"Chamaram de macaca, que tinha que ir para jaula. Que país é esse que a cor de pele justifica um ato assim?", questionou a técnica. Rafaela recebeu ofensas e cobranças pesadas por parte de internautas após a derrota para a a húngara Hedvig Karakas. A brasileira sofreu uma desclassificação por tentar um golpe ilegal.

Uma usuária do Twitter reclamou com a atleta pelo microblog: "cara, que vexame. Não te ensinaram a jogar limpo? Mais uma que foi para fazer o Brasil passar vergonha e chorar", escreveu @Dri_Caldeira. Irritada, Rafaela respondeu: "e quem é você pra falar de mim? Outra que não tem o que fazer fica e aqui tomando conta da vida dos outros".

Entre as principais acusações, a internauta chamou a atleta de "desonesta" e disse que "faltou espírito olímpico". "É dinheiro do povo que te manda pra Londres, emporcalhar o nome do País!! Chega de desonesto no país!!", continuou a tuiteira.

Confira a seguir na íntegra o comunicado emitido pelo COB:

Nota do Comitê Olímpico Brasileiro:

O Comitê Olímpico Brasileiro (COB), a Confederação Brasileira de Judô e a Missão Brasileira nos Jogos Olímpicos Londres 2012 repudiam qualquer manifestação de racismo, seja contra atletas, membros de delegações ou qualquer outra pessoa.

O Brasil é um país multirracial e não se deve admitir e tolerar, sob nenhuma hipótese, atitudes que estimulem qualquer tipo de segregação.

A Missão Brasileira em Londres, prestando auxilio jurídico a atleta, consultou o departamento jurídico do COB sobre as medidas legais que possam ser tomadas.

No entanto, a própria Rafaela Silva não pretende dar prosseguimento ao caso.

Atenciosamente,

COB - Relações com a Imprensa

Olimpíada ao vivo no Terra
O Terra, maior empresa de internet da América Latina, transmite ao vivo e em alta definição (HD) todas as modalidades dos Jogos Olímpicos de Londres. Com reportagens especiais e acompanhamento do dia a dia dos atletas, a cobertura conta com textos,vídeos,fotos, e participação do internautae repercussão no Facebook.Siga também a cobertura no Twitter e participe com a hashtag: #TerraLondres2012

Rafaela Silva discutiu com usuários do Twitter após participação em Londres
Rafaela Silva discutiu com usuários do Twitter após participação em Londres
Foto: Reuters
Fonte: Terra
publicidade