0

Overeem se pronuncia sobre doping e pede desculpas a Cigano

23 abr 2012
16h30
atualizado às 16h49

Flagrado em exame antidoping e fora da disputa pelo cinturão da categoria dos pesos pesados do Ultimate Fighitng Championship, Alistair Overeem, enfim, se pronunciou sobre o assunto. Nesta segunda-feira, o lutador holandês emitiu um comunicado pedindo desculpas ao campeão Junior "Cigano" dos Santos, que terá pela frente Frank Mir no combate válido pelo título da divisão e marcado para 26 de maio.

» De A a Z: saiba tudo sobre o campeão Anderson Silva

"Eu não sei expressar como pedir desculpas para a Comissão Atlética de Nevada, Junior dos Santos, os fãs, os diretores e patrocinadores do UFC, meus amigos e família, além de qualquer um que tenha sido atingido", escreveu o lutador holandês, em comunicado reproduzido pelo site MMA Fighting nesta segunda-feira.

Além de pedir desculpas à organização do evento e ao adversário, Junior "Cigano", Overeem admitiu que deixou o evento por conta do pouco tempo necessário para apelar da decisão da Comissão Atlética de Nevada. Para enfrentar o brasileiro, o desafiante deverá obter uma licença da entidade, a qual poderia não chegar antes do combate.

"Estou profundamente triste em anunciar que, na sexta-feira, 20 de abril, eu respeitosamente me retirei do evento de 26 de maio, até que a minha situação com a Comissão Atlética do Estado de Nevada esteja resolvida", afirmou o lutador, preterido pela direção do UFC após a polêmica ocorrida no início do mês.

A saída de Overeem do UFC 146 modificou totalmente o card principal do evento. Enquanto Junior "Cigano" terá pela frente na disputa pelo cinturão o experiente Frank Mir, o ex-dono do título Cain Velasquez encarará o brasileiro Antonio "Pezão", que a princípio encararia Roy Nelson (o americano por enquanto está descartado do evento, sem um adversário para o dia 26 de maio).

Overeem pediu desculpas a Junior "Cigano" por conta do doping
Overeem pediu desculpas a Junior "Cigano" por conta do doping
Foto: Getty Images
Fonte: Terra
publicidade