2 eventos ao vivo

Maria Lenk começa com quebra de recorde de Thiago Pereira

2 mai 2011
21h34
atualizado às 22h05
Mônica Garcia
Direto do Rio de Janeiro

O público que acompanhou a primeira noite do Troféu Maria Lenk no Parque Aquático Júlio de Lamare, no Rio, presenciou bons resultados. Logo na segunda prova, o nadador Henrique Barbosa, do Flamengo, carimbou seu passaporte para o Mundial de Xangai na prova dos 200 m peito, com o tempo de 2m11seg25. O índice para o Mundial era de 2m11seg90.

Os torcedores assistiram também Thiago Pereira nadar em uma velocidade surpreendente e bater o recorde Brasileiro, também garantindo vaga para Xangai, em uma prova que não é a sua principal, os 200 metros costas. "É a minha 4ª opção. Foi mais uma prova para eu estar ajudando o Corinthians na pontuação. Acabei dando o melhor e bati esse recorde brasileiro. Até porque começar bem na primeira prova dá segurança para o resto da semana. Você já sabe que está bem e não tem muito como mudar", afirmou confiante.

Para Thiago a "camisa" do Corinthians pesou: "eu estava bem ansioso para esse primeiro dia. Foi a primeira vez representando o Corinthians valendo mesmo. Estou muito feliz de ter batido o recorde brasileiro", comemorou.

O nadador fez o tempo de 1m58seg21, batendo o recorde brasileiro de 1m58seg36, que já era seu. Após a prova, Thiago se surpreendeu com sua disposição.

"Eu forcei hoje. Achei que ia doer mais essa prova, mas não, saí até com energia dela. Quem sabe amanhã eu consiga nadar até um pouquinho abaixo disso. Eu sei que vai ser difícil, porque eu tenho os 200 metros peito um pouquinho antes, até por isso eu forcei um hoje para garantir essa vaga aí para o Pan e para o Mundial. Mas vamos ver, fiquei animado com o meu tempo nessa prova, quem sabe amanhã consiga nadar abaixo de 1m57seg", disse. Sua meta é se aproximar do recorde Sul-americano. "É muito difícil bater o recorde. Mas espero chegar perto, com certeza", afirmou.

Para Thiago esse recorde dá mais motivação pela briga pelo terceiro lugar de clubes, no Troféu Maria Lenk. ¿O troféu vai ficar entre o Minas e Pinheiros, vai ser bem difícil de alcançar. O Corinthians tem uma equipe menor, somos 29 nadadores. Bem menos que os outros grandes clubes, mas agente espera está brigando junto com o Flamengo pelo terceiro lugar¿, aposta o nadador.

Já Henrique Barbosa comemorou o índice para o Mundial de Xangai, que ocorre em julho, mas não deixou baixar a guarda para as finais da prova que ocorrem nesta terça-feira. "Estou focado para amanhã, na final. Quero nadar bem, ganhar e garantir o que eu fiz hoje. Amanhã o pessoal vai ter que nadar atrás, então é descansar para amanhã fazer uma prova e garantir uma medalha", disse.

Thiago Pereira venceu 200 m costas no Maria Lenk
Thiago Pereira venceu 200 m costas no Maria Lenk
Foto: Satiro Sodré/CBDA / Divulgação
Fonte: Bulcão e Tresdê Assessoria e Comunicação Ltda - Especial para o Terra Bulcão e Tresdê Assessoria e Comunicação Ltda - Especial para o Terra
publicidade