0

Líder, risos e selfie: Messi versão 2014 fascina argentinos

17 jun 2014
07h06
atualizado às 07h08
  • separator
  • 0
  • comentários

Nada levava a crer que isso poderia ocorrer em plena segunda-feira, mas Lionel Messi falou. Acostumada a entrevistas coletivas frequentes de jogadores menos badalados, a imprensa que acompanha a seleção argentina já percebeu que Alejandro Sabella e a Associação de Futebol Argentino querem resguardar suas maiores estrelas. Mas o fato é que Messi falou. 

<p>Messi entre amigos na segunda-feira: só sorrisos depois de marcar novamente em Copas do Mundo </p>
Messi entre amigos na segunda-feira: só sorrisos depois de marcar novamente em Copas do Mundo
Foto: AP

Quer acompanhar as notícias e jogos da sua seleção? Baixe nosso app. #TerraFutebol

A uma sala de entrevistas com público bem abaixo do normal, o dono de quatro Bolas de Ouro entrou discretamente ao lado do lateral Marcos Rojo. Lionel parecia bem confortável, uma marca de sua participação na Copa do Mundo. Sorriu, brincou e não evitou nenhum tema. E mesmo com uma discrição que é de berço, confirmou: ele mudou desde a eliminação sob críticas em 2010.

"Se passaram muitos anos. São quatro anos do Mundial anterior", diz Messi depois de cair na risada com a pergunta de um jornalista brasileiro. Disse o repórter para o craque sorrir: "você está diferente em 2014. Sempre puxa o time para o campo, parece mais feliz, até dá mais entrevistas. O que mudou?". E Lionel concordou.

Tevez na Disney: um doce presente para Messi?
Tevez na Disney: um doce presente para Messi?
Foto: Divulgação

"Você vai amadurecendo, dentro e fora de campo. Estou em um grupo com muitos amigos, agora me encontro muito bem. Tenho afinidade com todos, uma boa relação fora de campo e também dentro de campo. Creio que me encontro bem contente", explicou Messi enquanto Carlitos Tevez, um possível desafeto, estava de férias na Disney e se diverte em Buenos Aires. 

No meio das perguntas, um repórter argentino se revirava e dava as costas a Lionel. Tudo para clicar um selfie perfeito com o craque de fundo em uma sala que não tinha tantas pessoas assim. Messi não se moveu, nem se incomodou. Ao fim da entrevista estava tão à vontade que conversou com alguns jornalistas, assinou um ou dois autógrafos e explicou um vídeo seu que virou hit.

Nas imagens que correm em mídias sociais e aplicativos de mensagens para smartphones, Lionel Messi supostamente evita cumprimentar um garotinho pequenino antes de entrar no gramado do Maracanã. A um repórter da Fox Sports Argentina, ele negou esse fato. Se mostrou até incomodado com a possibilidade de parecer alguém arrogante ou algo do gênero. 

"Escutei que não queria cumprimentar o menininho, que esquivei a mão. É uma loucura. Como não vou cumprimentar um nenê, simplesmente não me dei conta. Pensava em outra coisa. Depois falei até com os meninos que tinha ao lado. Não entendo que falem isso se tenho sobrinhos e filho. Nunca faria isso", explicou antes de se retirar rumo ao vestiário. 

De fato, quem esteve na África do Sul percebe um Lionel bem mais maduro para conviver com a responsabilidade que tem sobre si. Ele agora é pai do pequeno Thiago, também é um homem casado e não sente o peso da braçadeira de capitão. Seu comportamento fascina os jornalistas argentinos e simplesmente não há perguntas que façam pressão. Messi está leve. 

Ah, é verdade. E começou a Copa do Mundo 2014 com um golaço...

Messi comemora ao marcar o segundo gol argentino na partida contra a Bósnia
Messi comemora ao marcar o segundo gol argentino na partida contra a Bósnia
Foto: AFP

Lionel Messi coloca para fora o grito de gol que não soltava desde 2006 (Foto: AFP)

Veja os gols em 3D da Copa Veja os gols em 3D da Copa

Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade