> Esportes > Eliminatórias Mundial 2006 > Paises Participantes  > Brasil  
Eliminatórias em:
Brasil
Quarta, 27 de abril de 2005, 23h46 
Na despedida de Romário, Brasil vence Guatemala
 
Allen Chahad
 
Reuters
Romário é carregado após marcar seu gol
Veja também:
Enquete

Você gostaria de ver Romário no Mundial de 2006, na Alemanha?

Sim
Não

Multimídia
Galerias de fotos
» Romário deixa a Seleção Brasileira
Áudio e vídeo
» Romário se emociona e se despede com volta olímpica. Veja
» Laterais esperam ter impressionado Parreira
» Parreira reitera que ainda não fechou o grupo para a Copa do Mundo
» Grafite vibra com primeiro gol pela Seleção
» 'Novatos' comemoram chance na Seleção
Sites Relacionados
» Confira a animação dos gols de Brasil 3 x 0 Guatemala
» Comente a atuação da Seleção Brasileira
Notícias
» Na despedida de Romário, Brasil vence Guatemala
» Romário se despede com volta olímpica e aplausos
» Parreira fica satisfeito com observações
» Magrão deixa o campo e vai direto para o hospital
Últimas de Brasil
» Ausência do Uruguai na Copa surpreende Zagallo
» Edmílson festeja volta à Seleção e espera vaga
» Parreira elogia atuação dos reservas da Seleção
» Finalizações certas levaram Seleção à goleada
Busca
Busque outras notícias no Terra:
Em um jogo de festa, lágrimas e despedida, Romário deu adeus à Seleção Brasileira e encerrou uma trajetória de sucesso e brigas com a camisa que mais ama. O placar, fator menos importante da partida, terminou em 3 a 0 para o Brasil.

  • Romário se despede com volta olímpica
  • Confira animação dos gols
  • Veja fotos do jogo da Seleção
  • Opine: O que você achou da atuação da Seleção Brasileira?

    O time brasileiro, que teve sete alterações durante toda a partida, entendeu os pedidos de Romário antes da partida e encheu o atacante de bolas. No final, Romário, Anderson e Grafite fizeram os gols.

    Logo aos 4min, o Brasil teve boa chance de abrir o placar. Léo sofreu falta e Romário cobrou a meia altura. A bola desviou na barreira e saiu em escanteio.

    Após a batida de escanteio, Cicinho cruzou da direita, Anderson se antecipou à marcação e tocou de cabeça para abrir o placar no Pacaembu. Foi o primeiro gol do zagueiro com a camisa da Seleção Brasileira.

    Três minutos depois, Léo lançou Romário na área. O atacante dominou e chutou forte de perna esquerda, mas o goleiro defendeu no meio do gol.

    Aos 17min, o goleiro Klée se atrapalhou na saída de bola e entregou de graça para Ricardinho. De primeira, o meia cruzou na cabeça de Romário. O atacante só desviou para as redes e ampliou a vantagem brasileira, marcando seu último gol pelo Brasil.

    Após deixar sua marca, o atacante levantou sua camisa e mostrou outra por baixo, em que homenageava sua filha mais nova, que foi diagnosticada com síndrome de down. "Tenho uma filhinha Down que é uma princesinha."

    Aos 27min, Romário completou chute cruzado de Léo e o juiz, equivocadamente, anulou o que seria o segundo gol do atacante marcando impedimento do atacante.

    Faltando cinco minutos para o final da partida, Romário foi substituído pelo atacante são-paulino Grafite. Ao deixar o gramado, o atacante foi escoltado por Viola, Raí, Dunga, Paulo Sérgio e Branco até a linha lateral.

    Em seguida, sob aplausos e gritos, Romário deu a volta olímpica e agradeceu a torcida que encheu o Pacaembu para ver sua despedida.

    Na volta para o segundo tempo, Parreira tirou Robinho e colocou Fernandão. Apesar da noite de festa, a torcida não hesitou em chamar o técnico Parreira de burro.

    Aos 20min, Grafite recebeu lindo lançamento de Fernandão e tocou com categoria, na saída do goleiro Klée, para marcar o terceiro gol da partida e da Seleção.

    O Brasil volta a campo no dia 5 de junho, contra o Paraguai, pelas Eliminatórias do Mundial de 2006 em Porto Alegre. No dia 8 enfrenta a Argentina fora do Brasil, também pelas Eliminatórias.

    Ficha Técnica
    Brasil 3 x 0 Guatemala
    Equipes

    Marcos
    (Rogério Ceni)
    Cicinho
    (Gabriel)
    Anderson
    Fabiano Eller
    (Gláuber)
    Léo
    Mineiro
    Magrão
    (Marcinho)
    Ricardinho
    Carlos Alberto
    (Fernandão)
    Robinho
    (Fred)
    Romário
    (Grafite)
    Técnico:

    Carlos Alberto Parreira

    Miguel Klée
    (Motta)
    Nestor Martinez
    Melgar
    (González)
    Cabrera
    Denis Chen
    (Gomes)
    Fredy Thompson
    (Figueroa)
    Giron
    (Morales)
    Romero
    Angel Sanabria
    (Dávila)
    Carlos Castillo
    (Aragon)
    Sandoval
    Técnico:
    Ramón Maradiaga

    Gols

    5min - 1º tempo
    Anderson
    17min - 1º tempo
    Romário
    20min - 2º tempo
    Grafite

     
    Cartões Amarelos
    Romário Giron
    Cartão vermelho
       
    Local: Estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP)
    Árbitro: Martin Vasquez (URU)
    Público e renda: 36.235 pagantes e não divulgada

     
  • Redação Terra