2 eventos ao vivo

Nadal supera Del Potro em três sets e leva título em Indian Wells

17 mar 2013
21h04
atualizado às 23h13

Rafael Nadal chegou a dizer que não tinha muitas expectativas em relação ao Masters 1000 de Indian Wells, torneio que marcou o seu retorno às quadras de piso duro depois de seu afastamento por conta de lesão no joelho. Porém, depois de uma campanha quase impecável no torneio norte-americano, o tenista espanhol confirmou mais uma conquista na carreira neste domingo, ao derrotar o argentino Juan Martin Del Potro, de virada, por 2 sets a 1, aplicando parciais de 4/6, 6/3 e 6/4.

O título conquistado no torneio californiano marca a 53ª conquista da carreira de Rafael Nadal e o tricampeonato em Indian Wells, já que o atual número 5 do mundo havia ganhado o torneio também em 2007 e 2009, quando derrotou nas decisões, respectivamente, o sérvio Novak Djokovic, com 6/2 e 7/5, e o britânico Andy Murray, desta vez aplicando parciais de 6/1 e 6/2. Já Juan Martin Del Potro, número 7 da ATP, que neste ano já levou o título em Roterdã (HOL), desperdiça a chance de levar o seu primeiro torneio Masters da carreira e o que seria sua 15ª conquista.

Além de levar mais um caneco para casa, Nadal também encerra um jejum de quase três anos sem títulos em torneio em quadra rápida. A última conquista do espanhol nesse tipo de quadra havia sido em 2010, em Tóquio (JAP).

Foi a oitava vitória de Nadal em 11 partidas disputadas contra Del Potro. O último triunfo a favor do sul-americano foi na semifinal do Aberto dos Estados Unidos de 2009, quando o argentino aplicou um triplo 6/2.

O jogo - Logo no início da partida, o argentine Juan Martin Del Potro confirmou seus dois primeiros games de serviço e ainda anotou uma quebra sobre Nadal no segundo game para abrir 3/0. A partir desse momento, o tenista espanhol se recuperou e, devolvendo o break-point e confirmando seus próximos dois games de serviço, deixou tudo empatado: 3/3. Porém, o momento era mesmo do tenista argentino e, quebrando o saque de Nadal no nono game, Del Potro voltou a liderar a parcial e, posteriormente, fechou o set com 6/4.

O segundo set começou já com Juan Martin Del Potro incomodando o rival europeu e o forçando a desperdiçar seu saque. Porém, depois de quatro games seguidos com os tenistas confirmando seus respectivos serviços, o representante da Espanha voltou a anotar uma quebra no sexto e oitavo games, aplicando 6/3 no período e deixando o duelo decisivo empatado.

No terceiro set, o primeiro game mostrou um pouco do equilíbrio entre os dois finalistas. E, depois de mais de dez minutos de jogo, Del Potro fez 1/0, salvando três break-points no período. Nadal, entretanto, não se abateu com a desvantagem, confirmou o saque e, em seguida, confirmou mais um break-point para virar a parcial para 2/1. Na sequência, o ‘Rei do Saibro’ só precisou confirmar todos os seus saques restantes para assegurar o título em um tipo de quadra no qual não costuma dominar tanto quanto no chão de terra batida.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
publicidade