2 eventos ao vivo

“Não teremos problemas”, diz Ferrer sobre quadra da final da Davis

14 nov 2012
16h07
atualizado às 18h36
  • separator

Principal tenista da equipe espanhola na final da Copa Davis deste final de semana, David Ferrer acredita em decisão equilibrada em Praga. Segundo o número cinco do mundo, o fato de os tchecos terem o apoio de sua torcida e atuarem no piso de sua escolha não trará problemas para a atual campeã.

"A quadra é melhor para eles, mas estamos em uma final de Copa Davis e será muito competitiva. Não teremos problemas para jogar. (A quadra) é mais rápida que as demais, mas temos nossas armas para vencer os tchecos", garante Ferrer.

Apesar disso, o número cinco do mundo exalta os tenistas que compõem o time adversário. "Berdych é um top 10 e Stepanek pode atuar bem tanto em simples como nas duplas, onde está entre os dez melhores do ranking", analisa.Vivendo sua melhor temporada, já que conquistou sete títulos em 2012, sendo o mais importante deles um inédito Masters 1000, em Paris, Ferrer quer encerrar o ano com mais uma conquista no currículo. "Espero que esta final da Davis possa coroar a minha temporada", afirma o número cinco do mundo, campeão com a Espanha em 2009, em decisão disputada justamente com a República Tcheca.

Na ocasião, Ferrer venceu Stepanek em verdadeira batalha em cinco sets. Após ser atropelado nos dois primeiros sets, o espanhol reagiu e conseguiu a virada, deixando a Espanha a apenas uma vitória do título."Jamais esquecerei desta partida. Era a minha segunda em casa na Davis e sempre será um dos momentos mais especiais de minha carreira", relembra.

Ferrer estreia na decisão Copa Davis justamente contra Stepanek, nesta sexta-feira. No mesmo dia, seu compatriota Nicolas Almagro encara o número seis do mundo, Tomas Berdych. No domingo, os dois top 10 se enfrentam, enquanto Almagro duela com Stepanek.

Veja também:

Final do Paulistão e início do Brasileiro são os destaques do fim de semana
Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
publicidade