0

Em decisão tomada via WhatsApp, Náutico anuncia Jorginho como técnico

15 ago 2013
08h40
atualizado às 09h53
  • separator
  • 0
  • comentários

O Náutico ficou aproximadamente uma hora sem um técnico. Após a diretoria do clube demitir Zé Teodoro, o presidente Paulo Wanderley anunciou acerto com Jorginho, ex-Bahia. O time perdeu para o Criciúma, por 3 a 0, na noite desta quarta-feira, e continuou na lanterna do Campeonato Brasileiro.

Brasileiro Série A 2013Rodada 14

Criciúmacec-qCriciúma3
0NáuticoNáuticocnc-q

  • João Vitor 10 ' (1T)
  • Marlon 31 ' (1T)
  • Leonardo Moura 39 ' (1T)
  • Leonardo 39 ' (1T)
    2013-08-14 22:30 GMT-000 (D) FinalizadoHeriberto Hulse
    Último clube de Jorginho foi o Bahia, clube que acabou demitido após derrota por 7 a 1 para o Vitória
    Último clube de Jorginho foi o Bahia, clube que acabou demitido após derrota por 7 a 1 para o Vitória
    Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia / Divulgação

    Jorginho deverá desembarcar no Recife na tarde desta quinta, mas a apresentação oficial ainda não tem data marcada. Em entrevista ao Diário de Pernambuco, o mandatário alvirrubro confirmou o novo nome e explicou a rápida negociação, que teve o aval de toda a cúpula.

    "Ele (Jorginho) demonstrou muita disposição para vir, e por isso que o acerto foi tão rápido. Com certeza ele vai nos ajudar a sair dessa situação incômoda", projetou Wanderley, que usou o WhatsApp, aplicativo de mensagens instantâneas para telefones celulares, para falar com os outros dirigentes. Demitido do Bahia no último Campeonato Baiano, depois de uma goleada sofrida para o Vitória, por 7 a 1, Jorginho é ideal para o comando técnico da equipe, de acordo com Wanderley.

    Últimos Confrontos

    "É experiente, conhece o futebol e tem uma linha na qual acreditamos. Acredito que vamos sair da zona de rebaixamento". Antes do clube alvirrubro fechar com Zé Teodoro, Jorginho era forte candidato, mas a pedida salarial teria atrapalhado as conversas. No entanto, o presidente garante que, desta vez, o clube não ultrapassou o limite financeiro para trazê-lo. "Não vamos fazer loucuras. Continuamos com os pés no chão", finalizou.

    Jorginho terá muito trabalho pela frente. Isto porque o Náutico é o último colocado da Série A e tem só oito pontos, conquistados após apenas duas vitórias em 14 rodadas. No sábado, às 18h30 (de Brasília), o adversário do clube pernambucano será o Fluminense, nos Aflitos.

    Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
    • separator
    • 0
    • comentários
    publicidade