Náutico

Náutico

publicidade
14 de março de 2013 • 16h28 • atualizado às 16h29

Náutico fará 1º jogo profissional na Arena Pernambuco; operários fazem abertura

  • Direto do Recife
 

Como era esperado, o Náutico será um dos times que participarão da primeira partida profissional da Arena Pernambuco, no dia 22 de maio. O secretário extraordinário da Copa do Estado, Ricardo Leitão, explicou durante coletiva organizada para divulgar os eventos teste que serão realizados antes da Copa das Confederações, que “é uma coisa justa reconhecer a atenção e disposição do Náutico em apostar no projeto e por isso o time fará o primeiro jogo no estádio envolvendo clubes profissionais”.

Secretário Ricardo Leitão, ladeado pelo presidente da SPE Arena Pernambuco, Marcos Lessa (esquerda), e pelo secretário municipal do Recife, George Braga, na coletiva organizada para divulgar eventos de abertura da Arena Pernambuco
Foto: Eduardo Amorim / Brisa Comunicação e Arte - Especial para o Terra

A partir de julho de 2013, passa a valer contrato firmado com a Sociedade de Propósito Específico (SPE) Arena Pernambuco e o Náutico, que passa a mandar seus jogos normalmente no estádio. O adversário dos alvirrubros neste jogo de abertura deve sair da Copa do Brasil.

Para ser confirmado, o time pernambucano precisa vencer o Crac (GO), pela primeira rodada da Copa do Brasil – assim, os pernambucanos enfrentariam o vencedor da disputa entre Bangu (RJ) e Betim (MG), que se enfrentam na fase inicial do torneio nacional. Em caso de eliminação na primeira fase, os alvirrubros fariam um amistoso, com um time ainda a definir.

<a data-cke-saved-href="http://www.terra.com.br/esportes/infograficos/projeto-estadios-brasileiros/iframe.htm" data-cke-210-href="http://www.terra.com.br/esportes/infograficos/projeto-estadios-brasileiros/iframe.htm">veja o infográfico</a>

Antes disso, dois eventos serão organizados na Arena Pernambuco. O primeiro jogo envolverá equipes de funcionários da Arena Pernambuco, como homenagem da construtora e do Governo do Estado aos responsáveis por viabilizar a participação do estádio na Copa das Confederações, segundo Ricardo Leitão.

A partida será organizada pela concessionária no dia 14 de maio, por volta das 15h e serão convidados os familiares dos operários, sendo a expectativa de público entre 10 e 15 mil pessoas. “Pode ter um complemento especial para o evento, como um jogador master atuar por um dos times”, explicou o secretário Ricardo Leitão.

A entrega do estádio ao Governo de Pernambuco será realizada no dia 14 de abril, a partir das 10h, em solenidade oficial com a participação do governador Eduardo Campos e da imprensa, que percorrerão o maior número possível de espaços da Arena Pernambuco (camarotes, lounges, estacionamentos). Os jornalistas serão os responsáveis por transmitir ao público as suas considerações, já que as visitas começarão após a data da abertura.

“É uma forma de ter uma ocupação gradual, para que a gente não tenha os mesmos problemas que abriram seus estádios full também enfrentaram”, explicou o secretário. Até mesmo na partida do Náutico o público deve ser limitado a 30 mil pessoas. Apesar de haver previsão da terceira partida da decisão do Pernambucano ser realizada na Arena Pernambuco, essa partida foi descartada e o estádio só receberá sua capacidade máxima (46 mil expectadores) na primeira partida da Copa das Confederações: Espanha x Uruguai.

<a data-cke-saved-href=" http://www.terra.com.br/esportes/infograficos/projetos-e-obras-copa-2014/iframe.htm" href=" http://www.terra.com.br/esportes/infograficos/projetos-e-obras-copa-2014/iframe.htm">veja o infográfico</a>
Terra