inclusão de arquivo javascript

Esportes

 
 

Muricy lamenta situação do São Caetano

08 de março de 2004 10h38 atualizado às 10h38

O técnico do São Caetano, Muricy Ramalho, lamentou que sua equipe dependa de outros resultados na última rodada para se classificar à segunda fase do Campeonato Paulista.

O São Caetano está em quinto lugar do Grupo 2, ao lado do Marília, com 16 pontos. Porém, o time do interior tem uma vitória a mais (cinco contra quatro) e leva vantagem caso as duas equipes empatem em número de pontos.

Na última rodada, domingo, o São Caetano enfrenta o União São João em Araras e precisa da vitória. Além disso, torce por um tropeço do Marília, que recebe o Oeste.

Muricy substituiu Tite, que foi demitido, e tem 100% de aproveitamento no Campeonato Paulista, conquistando três vitórias em três jogos. Na mesma competição, Tite conquistou uma vitória, quatro empates e perdeu uma partida.

"Isso é terrível. Estamos crescendo e é péssimo pagar pelos pontos que perdemos no começo do campeonato. Ainda tenho esperança, tudo pode acontecer no futebol", Muricy Ramalho.

Euller

Mesmo com os dois gols marcados na goleada de 5 a 1 sobre o Paulista, último domingo, o atacante Euller deverá esperar mais jogos para ser titular do São Caetano.

A partida contra o Paulista foi a estréia de Euller no São Caetano. Segundo o técnico Muricy Ramalho, o atacante ainda está sem ritmo de jogo.

"Temos que analisar bem o Euller. Não é porque ele marcou dois gols que vai ser titular. Ele ainda está sem ritmo de jogo", disse Muricy.

Lancepress!