Pan-Americano 2007

Pan-Americano 2007

Domingo, 29 de julho de 2007, 13h16  Atualizada às 16h42

Hostilizado, Galvão tem segurança reforçada


Marcelo Pereira/Terra

Guarda Nacional reforça a segurança para Galvão Bueno
Busca
Saiba mais na Internet sobre:
Faça sua pesquisa na Internet:

Após ser hostilizado por parte dos torcedores que compareceram à final masculina do torneio de basquete dos Jogos Pan-Americanos do Rio de Janeiro, neste domingo, na Arena Olímpica, o narrador Galvão Bueno, da TV Globo, contou com segurança reforçada.

» Brasil pára "gigante" e leva o tri no basquete do Pan
» Basquete imita vôlei e comemora com "peixinho"

» Comente a atitude dos torcedores

Durante a partida entre Brasil e Porto Rico, mesmo sem motivo aparente, muitos dos espectadores presentes no ginásio participaram do coro com diferentes gritos ofensivos ao jornalista.

Os que estavam mais próximos ao local onde se encontrava Galvão se exaltaram, levantando e gesticulando com os braços. Apesar da proximidade dos fãs, que estavam a cerca de dois metros do narrador, não houve contato físico.

Já no último quarto da partida vencida pelo Brasil por 86 a 65, oito membros da Força Nacional se posicionaram junto à grade que separava os torcedores da área de transmissão da TV.

Os ex-jogadores Oscar e Hortência, que estavam ao lado de Galvão, foram homenageados com gritos dos torcedores. Os dois levantaram e agradeceram, enquanto Galvão também aplaudia.

  • Envie esta notícia por e-mail
  • Imprima esta notícia