Pequim
 
Brasil
 

Pequim 2008

Quinta, 7 de agosto de 2008, 18h38

Cavaleiros brasileiros estão prontos para estréia

  • Notícias

Os cavaleiros brasileiros que competirão no Concurso Completo de Equitação (CCE) dos Jogos Olímpicos de Pequim estrearão às 19h30 (de Brasília), da próxima sexta-feira, no Centro Eqüestre Sha Tin, no Jockey Club de Hong Kong. O clima é de otimismo para superar o melhor desempenho nacional da história, o sexto lugar por equipes obtido em Sidney 2000.

» Tocha olímpica percorre a Grande Muralha
» Cavaleiro do Brasil sonha com popularização do hipismo

A única lamentação é do tenente-coronel Jeferson Sgnaolin. "Será a primeira vez que um militar irá se vestir como civil numa Olimpíada", lamentou sobre a proibição às fardas iniciada em Pequim. "Mas, desde Helsinque 1952, um ginete militar brasileiro não participa do CCE e a expectativa é muito grande", ponderou o campeão mundial militar em 2006, que montará Escudeiro do Rincão.

Chefe da equipe brasileira do CCE, o coronel Cyro Rivaldo Filho aprovou as condições oferecidas pelo Centro Eqüestre de Hong Kong. "As instalações são excelentes, desde as pistas de galope, picadeiros cobertos até a pista principal. As baias são muito amplas e ventiladas com ar condicionado, mantendo a temperatura por volta dos 21 graus. Como o clima aqui é quente e úmido, tudo é climatizado. O suporte veterinário é completo", elogiou. "

"Estamos um pouco ansiosos, o que é normal, mas a equipe está otimista em conquistar o melhor resultado para o País em Jogos Olímpicos, acrescentou Rivaldo Filho.

Além de Jeferson Sgnaolin/Escudeiro do Rincão, Fabrício Salgado/Buterfly, Marcelo Tosi/Super Rocky e Saulo Tristão/Totsie representarão o Brasil no CCE. O primeiro desafio dos cavaleiros será o adestramento individual.

Olimpíada no Terra: ao vivo e exclusivo

O Terra transmite ao vivo e com exclusividade a competição em 13 canais simultâneos de vídeo. Além disso, os usuários têm a possibilidade de assistir novamente a todo o conteúdo a qualquer momento. Todo o acesso é gratuito. Na área Fanzone, o usuário pode ser o comentarista, gravar vídeos com sua câmera e compartilhá-los com a audiência do Terra. Envie vídeos, fotos e textos para os atletas e as equipes.
Clique e participe.


Gazeta Press