Pequim
 
Brasil
 

Pequim 2008

Sábado, 9 de agosto de 2008, 01h09 Atualizada às 04h27

Com braço ralado, Bush acompanha vôlei de praia

Presidente dos EUA luta contra o calor chinês
Presidente dos EUA luta contra o calor chinês
Reuters

Depois de prestigiar a cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos de Pequim, o presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, sofreu com o calor da capital chinesa na manhã deste sábado.

Com a camisa encharcada de suor, o presidente norte-americano pisou na areia para acompanhar o treinamento da dupla de vôlei de praia feminino dos Estados Unidos, formada por Walsh e May.

Desconfortável debaixo do sol que domina Pequim neste final de semana, Bush não dispensou uma garrafa plástica de água para se refrescar na areia.

Mesmo com o braço direito ralado, o presidente entrou na arena armada em Pequim. Diante de May, já protegido do sol por um boné, ele até arriscou uma manchete.

Após o treino, Walsh disse ao presidente Bush que desejava "impressioná-lo" durante os Jogos Olímpicos.

"Tínhamos algumas dúvidas sobre sua visita, mas quando soubemos com antecedência que viria nos sentimos muito impressionadas, entusiasmadas e honradas com sua chegada. Foi realmente especial", declarou Kerri Walsh.

"Penso que o presidente é um torcedor do esporte em geral, não apenas do vôlei de praia. Aprecia os esportistas, e ele também é um deles", garantiu a jogadora.

"Ama simplesmente os Estados Unidos, tenta alentar-nos por todos os meios possíveis", assinalou.

Segundo Misty May-Treanor, Bush ficou surpreso com sua tatuagem na altura do cóccix.

"Estivemos um tempinho juntos e depois assistiu nosso treino (...) Vamos presenteá-lo com um uniforme completo e creio que, com um pouco tempo, será um bom jogador", brincou May-Treanor, que sugeriu ao presidente fazer uma tatuagem com os nomes das tricampeãs mundiais.

O torneio de vôlei de praia dos Jogos Olímpicos começou neste sábado pela manhã na Arena Chaoyang Park.

Em seguida, Bush visitou a seleção americana de softbol, grande favorita para conquistar o quarto ouro olímpico, na despedida da modalidade do programa olímpico oficial.

Com informações da AFP

Olimpíada no Terra: ao vivo e exclusivo

O Terra transmite ao vivo e com exclusividade a competição em 13 canais simultâneos de vídeo. Além disso, os usuários têm a possibilidade de assistir novamente a todo o conteúdo a qualquer momento. Todo o acesso é gratuito. Na área Fanzone, o usuário pode ser o comentarista, gravar vídeos com sua câmera e compartilhá-los com a audiência do Terra. Envie vídeos, fotos e textos para os atletas e as equipes.
Clique e participe.

Siga os Jogos no Celular: wap.terra.com.br ou no iphone (www.terra.com.br/jogosolimpicos)


Redação Terra