Pequim
 
Brasil
 

Pequim 2008

Domingo, 24 de agosto de 2008, 08h55 Atualizada às 12h08

Cielo recoloca Brasil no mapa da natação mundial

Cielo comemora a medalha de ouro nos 50 m livre
Cielo comemora a medalha de ouro nos 50 m livre
Reuters

Direto de Pequim

O brasileiro César Cielo recolocou o Brasil no mapa da natação mundial ao conquistar a medalha de ouro nos 50 m e o bronze nos 100 m nado livre dos Jogos Olímpicos de Pequim. Desde 1996, em Atlanta, o Brasil não conquistava medalhas individuais no esporte. Naquele ano, Gustavo Borges ficou com a prata nos 200 m e o bronze nos 100 m, e Fernando Scherer subiu ao pódio na terceira colocação dos 50 m.

Aos 21 anos, Cielo se tornou o primeiro nadador brasileiro a conquistar uma medalha de ouro em Jogos Olímpicos na natação para o Brasil. De quebra, ele bateu o recorde olímpico dos 50 m com o tempo de 20s30, dois centésimos acima do recorde mundial.

Para conquistar a medalha de ouro, Cielo bateu concorrentes de peso. Com o tempo de 21s45, o nadador francês Amaury Leveaux ficou com a medalha de prata. Alain Bernard, também francês, ficou com o bronze ao cravar 21s49.

Cielo bateu o recorde olímpico em Pequim três vezes, uma nas eliminatórias, uma na semifinal e outra na final. Uma das marcas durou apenas cinco minutos, já que foi tomada por Amaury Leveaux.

O brasileiro ainda competiu ao lado do recordista mundial da distância, o australiano Eamon Sullivan, que terminou apenas na sexta colocação, com o tempo de 21s65, longe de sua melhor marca de 21s28.

Empate no bronze

Apesar de ter se classificado com o pior tempo entre os oito nadadores que disputaram a final dos 100 m rasos, Cielo conquistou a medalha de bronze com o tempo de 47s67, empatado com o norte-americano Jason Lezak.

Lezak terminou os Jogos Olímpicos consagrado pelo seu desempenho na prova do revezamento 4x400 m livre, que garantiu uma das oito medalhas do astro Michael Phelps. Último a saltar na prova, ele tirou uma diferença de meio corpo para francês Alain Bernard e garantiu a primeira posição para os norte-americanos.

Os Jogos Olímpicos no celular
wap:
wap.terra.com.br
Iphone, blackberry e N95: www.terra.com.br/jogosolimpicos


Redação Terra