0

Polonês vence 11ª etapa, mas Froome mantém camisa amarela

15 jul 2015
19h27
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

A 11ª etapa da Volta da França, realizada nesta quarta-feira entre as cidades de Pau e Cauterets, terminou com vitória do polonês Rafal Majka, da Tinkoff-Saxo. O resultado mantém a liderança da mais importante prova do ciclismo mundial nas mãos do britânico Chris Froome, da Sky, que terminou a etapa na nona colocação.

Majka percorreu os 188 km de prova em 5h2m1s, com um minuto à frente do segundo colocado, o irlandês Daniel Martin, da Cannondale-Garmin. O ciclista polaco garantiu a vitória com uma fuga solitária do pelotão intermediário a cerca de 50 km no fim. Na classificação geral, Majka não figura nem entre os 20 primeiros, e ocupa a 46ª posição, com um total de 41h49m3s.

Sendo assim, a vitória do polonês não representou nenhum prejuízo para Chris Froome, que segue com a camisa amarela com 41h03m31s, a 2m52s do segundo colocado, o norte-americano Tejay Van Garderen, da BMC. O principal rival do britânico na atual edição da Volta da França terminou a etapa desta quarta em 13º, em 5h7m22s.

Campeão em 2014, o italiano Vincenzo Nibali não mostra fôlego para alcançar o bicampeonato. O atleta da Astana terminou a 11ª etapa em 23º lugar, com 5h8m12s, a mais de seis minutos do líder Majka. Na classificação geral, Nibali aparece na 11ª posição, a 7m47 do líder Froome.

O eslovaco Peter Sagan terminou na 100ª colocação, porém retomou a camisa verde, de maior pontuador da Volta. Companheiro de Froome na Tinkoff-Saxo, o ciclista soma 239 pontos, contra 232 de André Greipel.

Nesta quinta-feira, a 12ª etapa da Volta da França acontecerá em um trecho de 195 km, entre Lannemezan e Plateau de Beille, a partir das 9h (de Brasília).

Veja também:

A novela continua! Após desistir de espanhol, Palmeiras segue em busca de novo técnico
Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade