0

Guto Ferreira revela proposta do Catar, mas garante "foco na Ponte Preta"

2 abr 2013
14h52
atualizado às 14h52
  • separator
  • 0
  • comentários

A Ponte Preta é dona da maior invencibilidade no futebol brasileiro na temporada - 16 jogos - e já está classificada para as quartas de final do Campeonato Paulista. Um dos principais responsáveis por tudo isso é o técnico Guto Ferreira, que já começa a ser procurado por outros clubes. O treinador revelou ter recebido uma proposta do Catar, mas nem sequer abriu negociação.

<p>Técnico avisa que propostas devem passar pela diretoria</p>
Técnico avisa que propostas devem passar pela diretoria
Foto: Ricardo Matsukawa / Terra

Guto Ferreira chegou ao Estádio Moisés Lucarelli durante o Campeonato Brasileiro do ano passado para substituir Gilson Kleina – que foi para o Palmeiras - e assinou contrato com a Ponte Preta até o final de 2013. Satisfeito com o trabalho desenvolvido, o treinador garantiu que está focado apenas no clube campineiro e assegurou: se alguém quiser contratá-lo, terá que conversar com a diretoria primeiro.

"Sondagens existem, mas proposta aparece apenas uma do Catar e a diretoria nem ficou sabendo. Não levamos adiante porque o momento é de pensar na Ponte Preta. Hoje o Guto está focado na Ponte e quem quiser me tirar daqui tem que primeiro conversar com a direção", afirmou o treinador à Rádio Bandeirantes de Campinas.

&amp;amp;amp;amp;amp;lt;a data-cke-saved-href=&amp;amp;amp;amp;amp;quot;http://esportes.terra.com.br/infograficos/copa-do-brasil/iframe2.htm&amp;amp;amp;amp;amp;quot; data-cke-985-href=&amp;amp;amp;amp;amp;quot;http://esportes.terra.com.br/infograficos/copa-do-brasil/iframe2.htm&amp;amp;amp;amp;amp;quot;&amp;amp;amp;amp;amp;gt;veja o infogr&amp;amp;amp;amp;amp;aacute;fico&amp;amp;amp;amp;amp;lt;/a&amp;amp;amp;amp;amp;gt;

Quem vê Guto Ferreira passando por um grande momento no comando da Ponte Preta não sabe que sua passagem quase acabou mais cedo do que muitos esperavam. Após a goleada na estreia para o Palmeiras por 3 a 0, o time perdeu para Coritiba, Fluminense e Sport, vencendo apenas o Náutico. Assim, o treinador chegou pressionado para o jogo contra o Santos e muitos acreditavam que um novo tropeço resultaria na mudança da comissão técnica.

A Ponte, porém, dominou Neymar e companhia, apesar da vitória por apenas 1 a 0, e depois conseguiu resultados importantes para permanecer na elite do Campeonato Brasileiro. Ao todo, Guto Ferreira comandou o time em 28 jogos, conquistando 13 vitórias, nove empates e seis derrotas, tendo um aproveitamento de 57,1% dos pontos conquistados.

Nesta terça-feira, o treinador viajou para o Sergipe, onde a Ponte Preta vai enfrentar o Itabaiana na quinta-feira, pela primeira fase da Copa do Brasil. Expulso contra a Portuguesa na última rodada do Brasileiro de 2012, Guto Ferreira não poderá ficar no banco de reservas, sendo substituído por Alexandre Faganello, um de seus auxiliares.

Fonte: André Regi Esmeriz - Especial para o Terra André Regi Esmeriz - Especial para o Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade