1 evento ao vivo

Laor é internado e deve receber alta apenas na próxima semana

1 mar 2013
15h52
atualizado às 15h55

O presidente do Santos, Luis Álvaro de Oliveira Ribeiro, está internado no Hospital Albert Einstein, em São Paulo. O dirigente deve ficar durante todo o final de semana no hospital e, por esta razão, não irá acompanhar o clássico no qual o Peixe enfrenta o Corinthians, no próximo domingo, a partir das 16 horas (horário de Brasília), no Morumbi, pela 10° rodada do Campeonato Paulista.

Segundo o clube praiano, Laor irá assistir ao jogo acompanhado pela família. A expectativa é que o mandatário tenha alta na semana que vem, quando deve retornar às atividades na Vila Belmiro.

Esta não é a primeira vez que Luis Álvaro de Oliveira Ribeiro tem problemas de saúde como presidente alvinegro. Em fevereiro de 2010, no início de seu primeiro mandato no clube, Laor teve uma crise de pancreatite. Já em dezembro do ano passado e janeiro deste ano, o dirigente ficou afastado seguindo recomendações médicas, após se queixar de forte cansaço, chegando a ficar internado durante cinco dias no mesmo Hospital Albert Einstein onde realizou uma bateria de exames.Vale ainda lembrar que o presidente do clube praiano teve um infarto e quatro paradas cardíacas em 2003. No mesmo ano, ele concorreu à presidência do Santos e foi derrotado pelo então presidente Marcelo Teixeira. Anos depois (final de 2009), contra o próprio Teixeira, Luis Álvaro de Oliveira Ribeiro, enfim foi eleito.

Em razão do seu histórico de saúde, Laor faz exames de rotina anualmente, em hospitais da capital paulista, para avaliar o estado de sua saúde com especialistas.

Confira na íntegra a nota do Santos:
O Santos FC informa que o presidente Luis Álvaro de Oliveira Ribeiro passa por exames complementares e de diagnóstico no Hospital Albert Einstein, de hoje até o fim de semana. Ele não estará presente no Morumbi para o clássico de domingo, contra o Corinthians, e assistirá ao jogo acompanhado pela família. O presidente deve ter alta na semana que vem, quando deve retornar às atividades na Vila Belmiro.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
publicidade