2 eventos ao vivo

Neymar recebe título de Cidadão Paulistano em quadra de torcida

7 mai 2012
21h00
atualizado às 22h40
Emanuel Colombari
Direto de São Paulo

O atacante Neymar, do Santos, recebeu na noite desta segunda-feira o título de cidadão paulistano. A homenagem foi feita na sede de uma das principais torcidas organizadas do clube alvinegro, localizada na zona leste de São Paulo. Durante a cerimônia, cerca de 600 torcedores saudarem o jovem craque com muita música e aplausos.

» Quem avança para as quartas da Libertadores? Dê seu palpite

A iniciativa partiu do vereador Celso Jatene (PTB), ex-presidente da organizada que recebeu Neymar. Pelo barracão que hospeda a torcida em São Paulo, o nome de Jatene era lembrado em faixas como o proponente da cerimônia - que também comemorou o centenário do clube, festejado em 14 de abril. No telão do local, um discurso do vereador foi apresentado antes mesmo que o craque se fizesse presente.

A cerimônia, que estava marcada para começar às 19h30, teve início apenas às 20h35. Presentes ao local, Celso Jatene e o presidente do Santos, Luiz Álvaro de Oliveira Ribeiro, foram muito aplaudidos em suas apresentações iniciais. Autoridades da justiça e representantes da organizada também compareceram ao palanque, em cerimonial representando a Câmara de Vereadores de São Paulo.

Depois de a execução do Hino Nacional Brasileiro e do hino do Santos, Celso Jatene anunciou a exibição de um vídeo contando a carreira de Neymar, desde o futebol de salão. A cada gol mostrado, um grupo de torcedores no fundo da quadra gritava, festejando como se o lance fosse ao vivo. Em seguida, ele apresentou o cerimonial.

"É muito importante para a gente deixar claro porque o Neymar vai receber o titulo de Cidadão Paulistano. Não é só porque é nosso ídolo ou porque é ídolo do Brasil inteiro. É porque ele tem consciência social", anunciou Jatene, destacando a colaboração do jogador em obras assistenciais. Em seguida, o vereador pediu para que o público presente chamasse por Neymar para que o jogador aparecesse ao palco.

E em meio à quebra de protocolo, ele compareceu de boné para trás e jaqueta esportiva. Em seguida, cumprimentou aos presentes e à torcida, a quem chamou de "essa galera maravilhosa". Foi saudado aos gritos de "olê, olê, olê, olá, Neymar, Neymar". Na sequência, fez o pronunciamento ao lado do pai, Neymar dos Santos.

"Estou muito feliz, muito feliz mesmo de estar recebendo esse título, porque São Paulo faz parte da minha história. Foi onde eu comecei para o futebol profissional, onde eu estreei no profissional, onde eu fiz meu primeiro gol, conquistei meu primeiro título, o título mais importante, da Libertadores, e onde nasceu meu filho. São Paulo é parte da minha história, estou muito feliz de me tornar cidadão paulistano", discursou.

Na sequência, o craque convidou os presentes a comparecerem ao jogo de domingo contra o Guarani, que decidirá o título do Campeonato Paulista. "Obrigado pelo carinho, de coração. Espero que vocês todos possam estar no Morumbi no domingo para ver a gente disputando mais uma final", completou, posando para fotos e recebendo as homenagens dos presentes em diversos cânticos. Em seguida, deixou o local rumo a outro compromisso.

Neymar foi ovacionado pelos torcedores na noite desta segunda-feira
Neymar foi ovacionado pelos torcedores na noite desta segunda-feira
Foto: Ricardo Matsukawa / Terra
Fonte: Terra
publicidade