PUBLICIDADE
Logo do

São Paulo

Favoritar Time

Após expulsão, são-paulinos colocam Lúcio à venda na internet

3 mai 2013 00h51
| atualizado às 08h57
ver comentários
Publicidade
Lúcio foi colocado à venda por preço a combinar em site da rede
Lúcio foi colocado à venda por preço a combinar em site da rede
Foto: Marcadolivre.com / Reprodução

O zagueiro Lúcio mudou a partida de ida das oitavas de final da Copa Libertadores da América, entre São Paulo e Atlético-MG, na noite desta quinta-feira, no Estádio do Morumbi: acabou expulso, viu o time paulista diminuir a ofensividade e permitiu aos mineiros o crescimento e a virada para 2 a 1. A irritação da torcida no estádio não ficou aparente. Após o jogo, no entanto, torcedores colocaram o camisa 3 à venda na internet.

Lúcio foi colocado no site de vendas online Mercado Livre com "preço a combinar". "Zagueiro veterano. Vendo por um pacote de bala juquinha aberto ou até troco pela sua sogra!!!!", foi a descrição colocada na página. Os companheiros demonstraram apoio ao jogador após a partida. Ney Franco evitou críticas, mas admitiu que, sem o cartão vermelho, a vitória teria sido possível.

Colocar jogadores à venda na internet tem sido um recurso bem-humorado de protesto no futebol. Torcedores do Paraná Clube colocaram a diretoria à venda em 2011, por exemplo. No mesmo ano, palmeirenses fizeram o mesmo com o árbitro Paulo César de Oliveira. Um ano antes, a dupla de ataque do Fluminense, formada por Washington e Rodriguinho, foi oferecida por R$ 1,99.

São-paulino relata abatimento de Lúcio no vestiário; veja:

Até fora do Brasil a prática já foi registrada. Na Inglaterra, torcedores do Chelsea colocaram o atacante espanhol Fernando Torres à venda por R$ 2,06 libras (cerca de R$ 5 na cotação da época). O próprio São Paulo viu esse recurso ser usado uma vez na última temporada: Paulo Miranda foi apontado como "pior da história do clube" e ofertado por R$ 1.

Fonte: Terra
Publicidade
Publicidade