PUBLICIDADE
Logo do

São Paulo

Meu time

Com direito a "xaveco", Pelé inaugura espaço no Morumbi

22 mai 2014 13h05
| atualizado em 23/5/2014 às 11h27
ver comentários
Publicidade
Pelé inaugurou "Casa Pelé de Futebol" no estádio do São Paulo
Pelé inaugurou "Casa Pelé de Futebol" no estádio do São Paulo
Foto: Alan Morici / Terra

Santista de corpo, alma e consagração, Pelé agora tem o seu espaço no estádio de um dos maiores rivais do clube alvinegro. Ao menos, ele será apenas temporário. Nesta quinta-feira, o ex-jogador inaugurou no Morumbi a “Casa Pelé do Futebol”, local que contará com exposição itinerante da sua carreira, além de transmissões dos jogos da Seleção Brasileira e shows de grandes músicos e dj’s durante a Copa do Mundo.

Ao comentar sobre o espaço, Pelé mostrou orgulho e preocupação para que ele ajude a Seleção Brasileira no Mundial. “Vamos pedir a Deus para que a Casa Pelé dê sorte ao Brasil, porque esta será a casa dos brasileiros durante a Copa. E quem conhece futebol sabe que, fora de campo, a gente sofre muito mais do que quando está lá dentro”, disse o ex-jogador, que mostrou muito bom-humor durante todo o evento e até “xavecou” a atriz Karina Bacchi, uma das apresentadoras, e a quem disse que “faria uma tabelinha mais bonita do que com Coutinho”.

Pelé critica Arenas e desfaz "mal-entendido" sobre protestos:

A parceria entre a marca Pelé e o estádio do Morumbi foi firmada na última terça-feira – após um longo mês de negociações -, mas não entra em conflito com o direito de exclusividade da exploração de imagem que o Santos detém sobre seu ex-jogador. Pelé não assinou com o São Paulo, mas sim com a Front 360, empresa que alugará o Morumbi durante a Copa do Mundo para realizar esta espécie de Fan-Fest.

O clube tricolor, dono do estádio, receberá pelos eventos apenas um valor em aluguel e uma taxa sobre os patrocinadores que a agência conseguir para o espaço. O montante ainda não pode ser calculado, porque pode ser maior ou menor dependendo do desempenho dos comandados de Luiz Felipe Scolari no Mundial, mas imagina-se algo na casa dos R$ 6 milhões. Caso o Brasil chegue à final, por exemplo, a “Casa Pelé do Futebol” receberá 18 eventos. Se a Seleção cair antes, o número certamente será inferior – estipula-se no mínimo 11.

Pelé pede revanche com Uruguai na final da Copa 2014:

Entre as atrações confirmadas estão o grupo de pagode Revelação, que fará show em 12 de junho, dia do jogo entre Brasil e Croácia pela abertura da Copa do Mundo na Arena Corinthians, além do inglês Fatboy Slim e do brasileiro Bell Marques, ex-vocalista do Chiclete com Banana, que tocarão no dia 17, quando a Seleção enfrentará o México em Fortaleza. No dia 23, data do duelo contra Camarões, em Brasília, será a vez da dupla de dj’s europeia Dimitri Vegas & Like Mike.

A cantora Claudia Leitte, que teve participação especial na música oficial da Copa do Mundo, já está confirmada para se apresentar no dia 28, data das oitavas de final, enquanto que a atração mais badalada, o sueco Avicii, ainda negocia para fazer seu show no Morumbi no dia da grande final, a ser disputada no Maracanã, em 13 de julho. Assim, mesmo após ter perdido a disputa para sediar partidas do Mundial com o novo estádio corintiano, o Morumbi não ficará parado durante a Copa. As apresentações acontecerão, provavelmente, na área atrás do gol do portão principal, e o São Paulo espera receber 12 mil pessoas por evento.

Fonte: Terra
Publicidade
Publicidade