São Paulo

São Paulo

publicidade
06 de fevereiro de 2014 • 07h54

Com Pato no São Paulo, Corinthians vai economizar quase R$ 3 milhões

Mano Menezes analisa perfil de Jadson, trocado por PatoClique no link para iniciar o vídeo
Mano Menezes analisa perfil de Jadson, trocado por Pato
  • Diego Garcia
    Direto de São Paulo
 

A troca envolvendo o atacante Alexandre Pato, agora do São Paulo, pelo meio-campista Jadson, novo reforço do Corinthians, sacudiu o futebol brasileiro nesta quarta-feira. Em negociação que se arrastou durante todo o dia, no fim das contas a equipe do Parque São Jorge acabou fazendo uma "economia" de quase R$ 3 milhões em salários com o empréstimo de seu ex-camisa 7.

Pato foi para o São Paulo por empréstimo até dezembro de 2015, portanto por 22 meses, já que seu contrato com o Corinthians vai até junho de 2016. Com vencimentos na casa dos R$ 600 mil mensais, o atleta terá metade de sua remuneração paga pelo time do Morumbi durante todo o período.

Por outro lado, o Corinthians fechou a contratação em definitivo de Jadson. O jogador, que tinha contrato com o São Paulo até o fim de 2014, rescindiu o vínculo com a agremiação e assina com a equipe alvinegra até dezembro de 2015 para ganhar o mesmo salário que recebia quando defendia o time tricolor: R$ 180 mil por mês.

Corinthians 0 X 2 Bragantino: veja os gols da 4ª derrota seguidaClique no link para iniciar o vídeo
Corinthians 0 X 2 Bragantino: veja os gols da 4ª derrota seguida

Assim, o Corinthians consegue "aliviar" a folha salarial mensal em cerca de R$ 120 mil, totalizando quase R$ 3 milhões se somados os 22 meses de empréstimo de Pato ao São Paulo. Além disso, o jogador ainda pode ser vendido antes do período em caso de propostas que agradem ao clube do Parque São Jorge.

Caso algum clube do futebol europeu se interesse por Pato na reabertura da janela de transferências, o Corinthians pretende ao menos recuperar os R$ 40 milhões gastos na contratação do atacante no final de 2012. Nesta quarta, por exemplo, um time russo e outro ucraniano pretendiam contar com o atleta, que fechou mesmo com o São Paulo por empréstimo.

Jadson foi contratado pelo São Paulo em 2012 por cerca de R$ 12 milhões, mas estava insatisfeito após a chegada do técnico Muricy Ramalho, que o preteriu em preferência a Paulo Henrique Ganso no setor de armação. Já Pato manifestou vontade de sair após a invasão ao CT Joaquim Grava no último sábado, quando um grupo de torcedores foi ao local supostamente para cobrar o jogador.

Os dois novos reforços de São Paulo e Corinthians serão apresentados em seus novos clubes nesta sexta-feira.

Corintianos brigam, sofrem e protestam em 4ª derrota seguida no Paulista

Terra