0

Leão rebate declarações de Andrés: "não sou mentiroso"

24 fev 2012
18h32
atualizado às 19h27

O técnico Emerson Leão, do São Paulo, rebateu no final da tarde desta sexta-feira as declarações do diretor de seleções da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Andrés Sanchez, sobre a polêmica questão da liberação do meia-atacante Lucas da equipe nacional para o clássico de domingo contra o rival Palmeiras, pelo Campeonato Paulista 2012. O atual comandante tricolor, em entrevista à Rádio Transamérica, respondeu e reiterou: "não sou mentiroso".

"Conheço pouco o Andrés, tive uma excelente impressão conversando com ele em um velório. Ele sabe que não conto mentira. Telefonei para ele, mas ele não me atendeu. O que me contaram (um comentário para Lucas forçar o terceiro amarelo a fim de evitar um 'stress' entre o São Paulo e a CBF) foi verdade, não sei se a fonte que me passou a verdade ou não, ou entendeu errado, o que sei de quando ele me contou disse exatamente isso. Fiquei chateado porque liberaram o jogador do Vasco (Dedé), anteciparam dois jogos do Santos... Estou à disposição para esclarecer as coisas, mas não sou mentiroso", declarou à rádio o treinador.

Leão reiterou as opiniões do treino pela manhã e disse que não é "mentiroso"
Leão reiterou as opiniões do treino pela manhã e disse que não é "mentiroso"
Foto: Luis Moura / Gazeta Press
Fonte: Terra
publicidade