0
ATP

Após furar quali, Clezar estreia com Bellucci; Feijão pode pegar Nadal

11 fev 2013
16h56
atualizado às 17h36
  • separator
  • comentários

Um sorteio na tarde desta segunda-feira definiu os adversários dos tenistas brasileiros que passaram pelo qualificatório do Brasil Open 2013. O gaúcho Guilherme Clezar enfrentará nesta terça-feira, a partir das 19h (de Brasília), o paulista Thomaz Bellucci, em um confronto de brasileiros na primeira rodada do torneio. Já João Souza, o Feijão, estreará na chave principal contra o espanhol Rubén Ramírez Hidalgo e pode enfrentar o também espanhol Rafael Nadal na fase seguinte. A partida de Feijão ainda não tem data e horário definidos.

<p>Clezar superou Campozano na última rodada do qualificatório</p>
Clezar superou Campozano na última rodada do qualificatório
Foto: Fernando Borges / Terra

Tanto Clezar quanto Feijão passaram pela terceira e última rodada do qualificatório nesta segunda-feira, garantindo acesso à chave principal. O primeiro venceu o equatoriano Julio Cesar Campozano por 6/3 e 6/4, enquanto que o segundo passou pelo espanhol Javier Martí por duplo 6/4.

Clezar, 20 anos, participará da chave principal de um ATP pela segunda vez na carreira. Sua única partida nesse nível foi no próprio Brasil Open, em 2011, quando perdeu na estreia para o compatriota João Souza, o Feijão, por 6/3 e 6/2.

"Hoje (segunda-feira) com certeza foi uma das minhas melhores partidas em um jogo que também posso colocar entre os mais importantes que já disputei”, disse o gaúcho, antes de conhecer o seu próximo adversário na competição.

O jovem, dono do 234º lugar no ranking da Associação dos Tenistas Profissionais (ATP), enfrentará Bellucci, o 35º colocado da lista, às 19h desta terça, no Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo. O confronto será inédito.

<p>Feijão venceu Martí por duplo 6/4 em uma hora e 30 minutos de jogo</p>
Feijão venceu Martí por duplo 6/4 em uma hora e 30 minutos de jogo
Foto: Fernando Borges / Terra

Feijão, 24 anos e número 140 do mundo, também nunca enfrentou Hidalgo na carreira. "É um jogador de 34 anos, de muita experiência", comentou o brasileiro sobre o rival, que foi o 50 do planeta em 2006 e agora é o 91.

"Foram três jogos difíceis (no qualificatório) e agora é se preparar para mais uma batalha", completou o tenista, que antes havia passado pelo alemão Dustin Brown e pelo italiano Gianluca Naso.

Caso saia vitorioso, Feijão enfrentará Nadal. Cabeça-de-chave 1 do torneio, o espanhol desembarcou em São Paulo nesta segunda-feira e iniciará a campanha diretamente na segunda rodada. Após o ATP 250 de Viña del Mar, no qual foi vice-campeão na semana passada, o ex-líder do ranking mundial disputa no Brasil Open o segundo torneio a partir do retorno às quadras. Ele estava afastado desde junho de 2012 para se recuperar de uma inflamação no tendão patelar (síndrome de Hoffa) e de uma ruptura parcial no tendão rotuliano.

Em São Paulo, Nadal também atuará na chave de duplas, pela qual estreia nesta terça, por volta das 20h30, ao lado do argentino David Nalbandian. Eles enfrentam os espanhóis Pablo Andujar e Guillermo García-López.

Fonte: Terra

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade