2 eventos ao vivo
ATP

Após ouro em Londres, Murray desiste do Masters 1000 de Toronto

9 ago 2012
21h17

O tenista britânico Andy Murray, número 4 do mundo e que no último domingo conquistou a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de Londres, anunciou nesta quinta-feira que desistiu de participar do Masters 1000 de Toronto devido à uma lesão no joelho esquerdo.

»Sexo, racismo e tabus; veja mudanças inesquecíveis do tênis

Murray estreou vencendo com facilidade o italiano Flavio Cipolla e nesta quinta enfrentaria o canadense Milos Raonic, mas desistiu de competir devido à contusão, segundo a organização do torneio.

Com a saída do britânico, o sérvio Novak Djokovic é único tenista entre os mais destacados do circuito a continuaram no Masters 1000. O suíço Roger Federer, que ficou com a prata em Londres, e o espanhol Rafael Nadal já haviam comunicado que não participariam do torneio.

Além disso, na quarta-feira, o francês Jo-Wilfried Tsonga perdeu em dois sets para o compatriota Jeremy Chardy. Medalha de bronze nos Jogos Olímpicos, o argentino Juan Martín del Potro caiu diante do tcheco Radek Stepanek.

"Não é fácil jogar depois do grande esforço dos Jogos Olímpicos, mas tentei. Agora preciso de tempo para recuperar meu corpo se quiser continuar saudável", disse Del Potro, que em Londres foi derrotado por Federer mais partida de tênis mais longa da história dos Jogos Olímpicos.

Murray aumenta o alto número de baixas que desistiram ou foram eliminados do torneio
Murray aumenta o alto número de baixas que desistiram ou foram eliminados do torneio
Foto: Reuters
EFE   
publicidade