2 eventos ao vivo

Bellucci vence espanhol de virada e pega Djokovic nas oitavas em Roma

13 mai 2015
13h32
atualizado às 13h33
  • separator
  • comentários

O brasileiro Thomaz Bellucci, 68º colocado no ranking mundial, terá a oportunidade de enfrentar o melhor tenista da atualidade, o sérvio Novak Djokovic, pelas oitavas de final do Masters 1000 de Roma, na Itália. Isso porque, na manhã desta quarta-feira, o paulista de Tietê derrotou o espanhol Roberto Bautista Agut (19º), de virada, por 2 sets a 1, com parciais de 1/6, 6/1 e 6/4, em 1h38 de partida. O aguardado embate está marcado para esta quinta-feira.

Esta será a terceira vez que Bellucci e Djokovic se encontrarão no circuito. O sérvio venceu as duas anteriores, sendo a última delas nas semifinais do Masters 1000 de Madri, em 2011. Na ocasião, Djoko venceu o brasileiro, de virada, por 2 sets a 1, parciais de 4/6, 6/4 e 6/1. Aquela foi a melhor participação de Thomaz em um torneio Masters.

Tricampeão no saibro romano, Novak Djokovic, líder da lista da ATP desde julho do ano passado, se condicionou a disputar as oitavas de final na última terça-feira, quando bateu o espanhol Nicolas Almagro em três sets, parciais de 6/1, 6/7 (5-7) e 6/3.

Na sua caminhada rumo ao encontro com Djokovic, Bellucci precisou derrotar o colombiano Alejandro González e o croata Ivan Dodig, parceiro do brasileiro Marcelo Melo nos torneios de duplas, no qualifying. Já na primeira rodada da chave principal, o paulista de 27 anos superou o argentino Diego Schwartzman, que retirou-se de quadra no segundo set por ter sentido uma lesão.

O torneio na Cidade Eterna oferce ao seu campeão 1000 pontos no ranking mundial, além de uma premiação de 628 mil euros (cerca de R$ 2,2 milhões).

O jogo - Thomaz Bellucci começou a partida errando muito em um de seus principais golpes: o saque. Ele conseguiu apenas dois pontos com o primeiro serviço, facilitando para que o espanhol conseguisse duas quebras e vencesse a parcial em apenas 26 minutos (1/6).

O paulista voltou mais ligado para o segundo set e reagiu prontamente, conquistando nove pontos enquanto sacava, contra quatro de Agut. Mais agressivo em quadra, Bellucci ainda devolveu as duas quebras para empatar o confronto (6/1).

O terceiro e decisivo set foi equilibrado. Ambos os tenistas confirmaram seus serviços até o quinto game, quando Thomaz atacou o espanhol e quebrou seu saque, abrindo 3/2.

Depois, o paulista ainda salvaria dois break points no último game para manter-se com uma quebra à frente. Depois de muito drama e dois match points, Bellucci, enfim, conquistou o ponto da vitória para angariar o ingresso às oitavas de final e medir forças com o melhor do mundo.

Mais Brasil em quadra

Pelo Challenger de Bordeaux, no saibro francês, o gaúcho André Ghem, número 142 do mundo, bateu o cabeça de chave número 6, o sérvio Filip Krajinovic, por 2 sets a 1, com parciais de 6/4, 6/7 (5-7) e 6/4. Nas quartas de final, o brasileiro de 32 anos vai medir forças com o estoniano Jurgen Zopp, nesta sexta-feira.

Já o também gaúcho Guilherme Clezar (178º) está eliminado do Challenger de Samarkand, no saibro do Uzbequistão. O jovem de 22 anos foi detido pelo australiano Matthew Ebden por 7/6 (7-5) e 6/4. Agora, Clezar se prepara para disputar o qualifying do segundo Grand Slam do ano, Roland Garros, na França.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • comentários
publicidade