1 evento ao vivo

Ferrer vira contra Isner e coloca Espanha na final da Davis pela 9ª vez

16 set 2012
10h09
atualizado às 12h25

Em seu piso preferido, o espanhol David Ferrer cedeu um set para o americano John Isner, mas se recuperou e venceu por 3 a 1, com parciais de 6/7 (3-7), 6/3, 6/4 e 6/2. A Espanha abriu 3 a 1 contra os Estados Unidos e garantiu vaga na final da Copa Davis pela nona vez na história.

» Veja fotos e vote na mais bela tenista do US Open
» Veja as 50 melhores fotos do US Open
» Confira o visual das tenistas do US Open

Ferrer ganhou a maioria das trocas de bola contra Isner, mas, naturalmente, sofreu com os serviços do gigante, um dos melhores sacadores do circuito. O espanhol teve 15 chances de quebra e converteu apenas seis. O americano geralmente conseguia se salvar com aces, marcou 16, ou com o primeiro saque. Levou 55 dos 81 pontos disputados nessa situação.

Na sexta-feira, Ferrer venceu Sam Querrey e Isner foi derrotado por Nicolas Almagro, em cinco sets. Os Estados Unidos mantiveram-se na disputa com o triunfo de Bob e Mike Bryan no jogo de duplas contra Marc López e Marcel Granollers. O quinto jogo seria entre Querrey e Almagro, mas as equipes decidiram não disputá-lo. O adversário da nona final da pentacampeã Espanha será a Argentina ou a República Checa.

As primeiras vezes que o país decidiu o título foram em 1965 e 1967, mas a equipe de Manuel Santana perdeu para Austrália nos dois anos. Em 2000, novamente os australianos apareceram no caminho espanhol, mas Juan Carlos Ferrero contribuiu para o primeiro título do país com duas vitórias nas partidas de simples.

Em 2003, novo confronto entre Espanha e Austrália, desta vez vencido pelos oceânicos. No ano seguinte, um joven Rafael Nadal ganhou do americano Andy Roddick e ajudou Carlos Moyá a superar os Estados Unidos. Recentemente, Nadal liderou a geração espanhola que venceu três dos últimos quatro títulos, embora não tenha jogado contra a Argentina em 2008.

Ferrer ganhou de Isner no saibro de Gijón e levou a Espanha à nona final da história
Ferrer ganhou de Isner no saibro de Gijón e levou a Espanha à nona final da história
Foto: EFE
Fonte: Terra
publicidade