3 eventos ao vivo

Dementieva se tornará vice-presidente da Federação Russa

30 dez 2010
11h44
atualizado às 13h00

Depois de se despedir do circuito profissional no Masters de Doha, Elena Dementieva tem um desafio pela frente. A ex-tenista de 29 anos aceitou um convite da Federação Russa de Tênis e assumirá o cargo de vice-presidente da entidade, mesmo sem ter certeza de suas funções.

»Djokovic se alia ao pai na disputa pelo comando do tênis sérvio
» Semifinalista em 2010, chinesa desiste do Aberto da Austrália
» Nadal e Murray podem disputar Jogos Olímpicos do Rio"
» Federer agradece apoio dos fãs em mensagem de fim de ano

"Eu ainda não entendi direito como posso ser útil para a Federação, mas eu espero que Shamil Tarpischev (presidente) me ajude a entender", escreveu a russa, em sua página no Facebook. Além de Dementieva, o tenista aposentado Marat Safin também voltou seu trabalho à entidade quando pendurou a raquete.

Uma vez longe das quadras, Dementieva cogitou a possibilidade de ser jornalista e ganhou uma credencial para escrever no jornal Soviet Sport. Em entrevista após a despedida, a russa afirmou que queria se casar e ter filhos. Além disso, uma grave lesão na panturrilha pesou na decisão da ex-tenista.

Em quase 13 anos de tênis, Dementieva se despediu do esporte como número nove do mundo, seis posições abaixo de seu melhor ranking (3º). Durante sua carreira, a russa foi finalista do US Open e de Roland Garros, campeã olímpica em Pequim-2008, campeã da Fed Cup e também de 16 torneios de simples.

Russa abandonou o circuito em 2010 e agorá será dirigente em seu país
Russa abandonou o circuito em 2010 e agorá será dirigente em seu país
Foto: Reuters
Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
publicidade