2 eventos ao vivo

Em jogo apertado, Nadal derrota Wawrinka pelo ATP Finals

16 nov 2015
19h48
atualizado em 17/11/2015 às 08h44
  • separator
  • comentários

A estreia de Rafael Nadal no ATP Finals de Londres, na Inglaterra, foi com vitória sobre o suíço Stan Wawrinka por 2 a 0, com parciais de 6/3 e 6/2. A partida, realizada na noite desta segunda-feira, mostrou equilíbrio entre os tenistas. Com a vitória, Nadal, 5º no ranking mundial, divide a liderança da chave com Andy Murray, que derrotou Davi Ferrer mais cedo nesta segunda.

Nadal mostra que está recuperando a velha forma
Nadal mostra que está recuperando a velha forma
Foto: Getty Images

Ao todo, o espanhol e o suíço se enfrentaram 16 vezes: foram 13 vitórias de Nadal e três de Wawrinka. O último duelo entre os tenistas foi na quartas de final do Masters 1000 de Paris, este ano, quando Wawrinka saiu vitorioso por 2 a 0. Os dois também se encontraram na fase de grupos do ATP Finals em 2013. Na ocasião, Nadal derrotou o suíço por 2 a 0.

A partida foi apertada e tensa, com muito equilíbrio entre a dupla. Apesar da vitória, o espanhol mostrou muitos desperdícios de break-points diante do rival. O suíço, por sua vez, fechou seus serviços com muita rapidez e mostrou grande domínio de saque ao anotar oito aces.

O jogo - Quarto melhor tenista do mundo, Wawrinka abriu a partida com uma conversão sobre Nadal, mas o espanhol foi rápido e devolveu a quebra no game seguinte. A disputa entre os tenistas já iniciou acirrada, com muito equilíbrio nas brigas ponto a ponto. O suíço conseguiu dois aces contra apenas um do rival, finalizando os serviços com rapidez.

No oitavo game, o 5º do mundo ainda desperdiçou duas oportunidades de break-point antes de converter mais um serviço de Wawrinka, abrindo 5/3. Na sequência, fechou o game e o set em 6/3. Ao todo, o espanhol teve 53% de aproveitamento dos pontos disputados.

A segunda parcial começou ainda mais apertada. Na disputa do primeiro game, Nadal desperdiçou nada menos do que sete break-points, o que lhe custou a oportunidade de fazer uma quebra sobre Wawrinka logo de início. Na sequência, foi a vez do suíço perder dois break-points e a chance de tirar uma quebra sobre Nadal. Mas no game seguinte, o espanhol foi direto e fez uma conversão, assumindo a dianteira no placar (2-1).

Com a dianteira, o 5º do mundo ampliou a vantagem ao quebrar o saque seguinte e ficar com 4-1. O game foi tão disputado quanto o primeiro da parcial, com dois desperdícios de Nadal. Com tranquilidade, encaminhou a vitória com 6/2 no set.

 

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade