0

Federer dá sorte e vê Nadal x Djokovic em possível semi de Roland Garros

24 mai 2013
08h31
atualizado às 09h39
  • separator
  • 0
  • comentários

Em sorteio realizado nesta sexta-feira, Rafael Nadal e Novak Djokovic caíram na mesma chave no Grand Slam de Roland Garros, disputado no saibro, em Paris. Com isso, uma final entre o espanhol e o sérvio está descartada e eles se enfrentam apenas em uma eventual semifinal. Em 2012, Nadal bateu Djokovic por 3 a 1 na decisão para conquistar o sétimo título na capital francesa.

<p>Espanhol Rafael Nadal e russa Maria Sharapova participaram do sorteio de Roland Garros</p>
Espanhol Rafael Nadal e russa Maria Sharapova participaram do sorteio de Roland Garros
Foto: AP

Quarto colocado no ranking da ATP, Nadal vai estrear diante do alemão Daniel Brands, 60º colocado. Eles jamais se enfrentaram no circuito.

Líder do ranking, Novak Djokovic, por sua vez, vai estrear frente ao belga David Goffin, 57º. O sérvio ainda poderá ter um algoz recente pelo caminho: na terceira fase, pode cruzar com o búlgaro Grigor Dimitrov, que o bateu no Masters de Madri este ano.

Nadal foi bem durante a preparação para Roland Garros e saiu vencedor dos Masters de Roma e Madri, ambos no saibro. O espanhol porém, caiu para Djokovic na final do Masters de Monte Carlo, em Mônaco.

Sorteio facilita vida de Federer

Roger Federer, terceiro do ranking e cabeça de chave número 2 devido à ausência do britânico Andy Murray, foi presenteado pelo sorteio da chave. O suíço, que ainda busca o primeiro título este ano, aguarda por um tenista proveniente do qualificatório para conhecer seu adversário da estreia em Paris.

Na segunda rodada, Federer enfrentará novamente um tenista da fase prévia, enquanto na terceira rodada, um algoz recente do suíço deve aguardá-lo. Trata-se do francês Julien Benneteau, que o eliminou este ano no ATP 500 de Roterdã, na Holanda.

Nas semifinais do Grand Slam, Roger Federer pode ter adversários perigosos, como David Ferrer, quinto do ranking, e Tomas Berdych, sexto. O suíço foi campeão em Roland Garros apenas uma vez na carreira, em 2009, quando superou o sueco Robin Soderling na final.

Fonte: Lancepress! Lancepress!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade