inclusão de arquivo javascript

Wimbledon

 
 

Com poucos erros, Federer supera sérvio e avança para a 3ª rodada

23 de junho de 2010 15h26 atualizado às 17h14

Federer errou apenas 13 vezes contra 37 de Bozoljac. Foto: Getty Images

Federer errou apenas 13 vezes contra 37 de Bozoljac
Foto: Getty Images

Depois de passar por um sufoco na primeira rodada, quando precisou de cinco sets para vencer o colombiano Alejandro Falla, Roger Federer entrou em quadra nesta quarta-feira diante do sérvio Ilija Bozoljac buscando evitar novo susto. No entanto, o suíço novamente enfrentou dificuldades. O fator determinante para a vitória foi o baixo número de erros. Federer errou 13 vezes contra 37 do rival. Com pouco mais de 2h45 de jogo, Federer superou o rival por 3 sets a 1, com parciais de 6/3, 6/7, 6/4 e 7/6, garantindo vaga na terceira rodada do torneio londrino.

» Veja as fotos da partida
» Roddick perde set, mas se recupera e avança em Wimbledon
» Djokovic vence Dent e avança em Wimbledon

Federer iniciou o confronto de forma bastante consistente e segura, forçando os erros do rival e cometendo apenas três falhas, fator determinante para a vitória no primeiro set, por 6/3, em 41 minutos. Além dos poucos erros, o tenista suíço fez 17 bolas vencedoras, três a menos que Bozoljac. O sérvio também aplicou mais aces, sendo superior a Federer por 6 a 4. O cabeça de chave número 1 teve 65% de aproveitamento do primeiro serviço. Quando colocou o primeiro saque em quadra, Federer conquistou 76% dos pontos.

No segundo set, o suíço baixou o nível de concentração, passou a errar mais e deixou Bozoljac crescer no embate através de seu forte saque e de sua postura arrojada dentro de quadra. Com mais bolas vencedoras (24 a 17) e mais aces (6 a 5), o equlíbrio no número de falhas fez com que a partida fosse para o tie-break. O game de desempate também foi disputado de igual para igual, mas o sérvio foi mais eficaz no momento crucial e empatou a partida fazendo 7/6, com 7-4 no tie-break, também em 41 minutos.

Após uma segunda parcial onde cometeu muitos erros, Federer recuperou a concentração do primeiro set e voltou a controlar as ações, já que teve apenas uma falha durante toda a parcial e conseguiu forças 11 erros do rival. Em 32 minutos, o suíço retomou a liderança no marcador abrindo 2 sets a 1, fechando a parcial em 6/4. Neste set, o número 2 do mundo fez quatro aces e obteve 12 bolas ganhadoras.

No quarto set, Federer manteve seu padrão, seguiu errando pouco e continuou consistente. No entanto, Bozoljac não diminuiu seu ímpeto em busca de uma vitória importante para sua carreira. Após o empate em 6 a 6, Federer fechou o quarto set, em 7/6, com 7-5 no tie-break. Na terceira rodada de Wimbledon, Federer enfrenta o vencedor do duelo entre o francês Arnaud Clement e o austríaco Peter Luczak.

Redação Terra