0

Radwanska vence Na Li e enfrenta Lisicki nas semifinais de Wimbledon

2 jul 2013
13h25
atualizado às 13h26

A polonesa Agnieszka Radwanska, número quatro do mundo, garantiu presença nas semifinais de Wimbledon ao derrotar nesta terça-feira a chinesa Na Li (N.6) por 2 sets a 1, com parciais de 7-6 (7/5), 4-6, 6-2.

Ela disputará uma vaga na decisão do Grand Slam londrino com a alemã Sabine Lisicki, algoz da número um do mundo Serena Williams nas oitavas.

Serena mais cedo derrotou a estoniana Kaia Kanepi por duplo 6-3.

Radzwanska precisou se empenhar diante uma adversária que lutou até o fim em partida cheia de reviravoltas interrompida duas vezes por causa da chuva.

"Ele jogou um tênis incrível. Estou muito feliz por ter avançado, mesmo tendo algumas dificuldades no fim. É muito bom estar nas semifinais", declarou a vencedora depois da partida.

A polonesa começou levando um susto no primeiro set, que só venceu no tie-break após salvar quatro 'sets points' quando Na Li vencia por 5 a 4.

Abrindo vantagem de 4 a 2 na segunda parcial, acabou levando a virada, deixando a chinesa empatar.

Apesar do placar de 6 a 2, o terceiro set também foi difícil para Radwanska. A polonesa precisou de oito 'match points' para fechar a partida no seu saque no último game, que durou mais de dez minutos.

Com porte físico menos importante do que as adversárias do circuito, a número quatro se destaca por contar mais com a inteligência do que com a força para definir os pontos.

Já Na Li, de 31 anos, que foi campeã de Roland Garros em 2011, cometeu muitos erros não forçados (40 contra 18 da adversária), o que acabou fazendo a diferença nos momentos decisivos.

Com as eliminações de Williams (N.1), Azarenka (N.2) e Sharapova (N.3), Radwanska é a tenista mais bem ranqueada do torneio feminino, uma das únicas que escapou da onde de zebras que tomou conta de Wimbledon neste ano.

A Polônia também será representada nas semifinais masculinas, já que um dos confrontos das quartas será entre dois tenistas do país, Lukasz Kubot e Jerzy Janowicz.

AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 
publicidade