0
WTA

Petkovic bate irregular Sharapova e avança às quartas

23 jan 2011
07h44
atualizado às 16h12

A russa Maria Sharapova está fora do Aberto da Austrália. A ex-número 1 do mundo deixou o primeiro Major do ano ao ser derrotada pela surpreendente tenista alemã Andrea Petkovic, parciais 6/2 e 6/3.

Sharapova cometeu 30 erros não forçados e não resistiu à regularidade da alemã
Sharapova cometeu 30 erros não forçados e não resistiu à regularidade da alemã
Foto: AP

» Veja imagens do jogo
» Confira fotos das principais musas do Aberto da Austrália
» Após gripe, Nadal demonstra preocupação com condição física
» Nadal bate promessa australiana e avança às oitavas
» Venus abandona partida e alemã Petkovic enfrentará Sharapova
» Berdych elimina Gasquet e alcança as oitavas de final

Em sua despedida de Melbourne, Sharapova, número 16 do mundo, padeceu do mesmo mal que tem acometido seu jogo nos últimos anos: a irregularidade. Com 30 erros não forçados, contra nove de Petkovic, Sharapova não foi páreo para a alemã, sendo superada tanto no primeiro set como no segundo com facilidade.

Na primeira parcial, Petkovic (33° da WTA) se aproveitou de sua maior regularidade nos pontos do fundo da quadra, conseguindo duas quebras de vantagem. No set final, Petkovic seguiu explorando os problemas de musa russa, e, com uma quebra acima, fechou a partida sem maiores problemas, após mais um erro não forçado da adversária, que, em sua última bola, acertou a rede.

Fechada a partida, Petkovic, que chegou a desperdiçar dois match points, cumprimentou sua rival e comemorou o triunfo dançando e rebolando dentro de quadra, enquanto lançava olhares sorridentes para seu staff, na arquibancada.

Alegria incontida e compreensível, afinal, Petkovic é a primeira tenista alemã a chegar às quartas de final do Aberto da Austrália desde 1999, ano em que Steffi Graf se retirou do tênis profissional. Na próxima rodada, a alemã, no melhor momento de sua carreira, enfrentará a chinesa Na Li, que derrotou Victoria Azarenka, da Bielorrússia, por duplo 6/3.

Fonte: Redação Terra
publicidade