1 evento ao vivo

Alheio a cansaço, Cruzeiro quer fazer história para o vôlei nacional

18 out 2012
16h35
atualizado em 22/10/2012 às 18h59

Após uma semifinal exaustiva com o PGE Skra Belchatow, da Polônia, decidida apenas no tie-break, os jogadores do Sada Cruzeiro não pensam em descansar. Pouco depois de deixarem a quadra com a vitória, o grupo mineiro já se prepara para a grande decisão do Mundial de Clubes com o tricampeão Trentino, nesta sexta-feira.

Vice-campeão olímpico com a Seleção Brasileira, Wallace procura aconselhar os companheiros
Vice-campeão olímpico com a Seleção Brasileira, Wallace procura aconselhar os companheiros
Foto: Alexandre Arruda/CBV / Divulgação

As equipes já se enfrentaram na primeira fase, quando os italianos levaram a melhor. Agora, a partida vale o título do campeonato disputado no Catar, e também a oportunidade de cravar o nome na história do voleibol do País. Em duas décadas do torneio, nenhum clube do Brasil conseguiu ser campeão.

"Claro que é uma grande motivação pensar nesse título inédito para nós do Sada e também para o vôlei brasileiro. Sabemos que será muito difícil, mas se temos essa oportunidade temos que agarrá-la com todas as força. Temos um grupo com muita vontade de jogar", declarou o capitão do Cruzeiro, William.

Esta é a primeira vez que um clube brasileiro disputa a final desde 1991. Diante das novidades, o oposto Wallace quer passar para os companheiros a experiência de quem foi vice-campeão olímpico com a Seleção Brasileira nos Jogos de Londres.

"Disputar uma final de mundial é uma das coisas mais importantes para um clube. Acredito que será uma disputa de muita força. Tento passar aos meus companheiros algumas situações que vivi em jogos internacionais, mas todos eles sabem o que é preciso fazer, já estão no voleibol a muito tempo, assistem aos jogos de outras ligas, mas sempre que posso, ajudo", disse o jogador.

O duelo entre Cruzeiro e Trentino está marcado as 13 horas (de Brasília) desta sexta-feira. Às 9 horas, Skra Belchatow e Zenit Kazan lutam pela terceira colocação do torneio em Doha.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

publicidade
publicidade