0

Bernardinho analisa Copa Brasil e vê Unilever atrás de favoritas

15 jan 2014
11h11

A equipe da Unilever Vôlei embarcou na manhã desta quarta-feira para Maringá (PR), onde disputará a Copa Brasil. Além de buscar o bicampeonato do torneio (foi campeã em 2007, na primeira edição), o time do Rio de Janeiro vai tentar uma vaga no Sul-Americano, concedida ao campeão. A estreia é nesta quinta-feira, às 17h, contra o Rio do Sul, no Ginásio Chico Neto.

Se vencer, a Unilever avança às semifinais, que serão na sexta-feira. A final da Copa Brasil será no sábado. O técnico Bernardinho fez uma análise do nível da competição e não vê a Unilever como favorita, colocando o Molico/Osasco e o Vôlei Amil à frente.

- Esperamos jogar os três jogos, é claro. São partidas seguidas, de quinta a sábado, e não será simples para ninguém. A competição promete ser muito dura. Vejo Osasco (Molico) e Campinas (Vôlei Amil) com planteis superiores ao nosso e o Uberlândia (Praia Clube) começando a jogar bem. O Sesi está numa situação semelhante à nossa, buscando sua melhor condição, e ainda têm os demais, franco atiradores. Estrearemos contra o Rio do Sul, que nos venceu na Superliga. Precisamos estar atentos desde o início - disse o treinador.

Se for campeã, a Unilver vai ter mais uma chance de disputar o Campeonato Mundial de Clubes. Isso porque o Sul-Americano classifica para a competição mundial.

Em 2013, o time carioca foi vice-campeão mundial, em Zurique (SUI), após derrota para o Vakifbank (TUR) na final.

Fonte: Lancepress! Lancepress!
publicidade