0

Com atropelo, Molico/Osasco vence o Pinheiros e iguala recorde na Superliga

12 fev 2014
21h32
atualizado às 21h34

Sem se abalar após a perda do título do Campeonato Sul-Americano de Clubes para o Sesi-SP no último domingo, o Molico/Osasco comprovou nesta quarta-feira a grande fase na Superliga Feminina. Ao vencer o Pinheiros por 3 sets a 0, com parciais de 24-22, 21-16 e 21-05 no Ginásio Henrique Villaboim, em São Paulo, o time de Luizomar de Moura alcançou a 19 vitória seguida no torneio e igualou o recorde de seu maior rival, a Unilever. Na temporada 2011/2012, o time do Rio de Janeiro havia conseguido o feito até então inédito.

A diferença é que a série do time paulista foi completada de maneira invicta, enquanto a das cariocas só foi possível depois de um revés na rodada inaugural daquela edição, para o Sesi. A chance do Molico de quebrar o recorde será amanhã, diante do Banana Boat/Praia Clube, às 21h30, em Osasco.

Se o primeiro set diante do Pinheiros mostrou o esperado equilíbrio entre as duas equipes, os últimos não reservaram problemas ao time de Osasco. A terceira parcial foi um verdadeiro atropelo das comandadas de Luizomar. A central Thaisa terminou a partida como maior pontuadora, com 16 acertos. Pelo Pinheiros, a oposto Andreia anotou nove.

Com o resultado, a equipe chegou a 55 pontos e tem seis de folga para o segundo colocado, o Vôlei Amil. Faltando sete rodadas para o fim do primeiro turno, tudo indica que a liderança da etapa classificatória não deverá sair das mãos do atual vice-campeão brasileiro.

Fonte: Lancepress! Lancepress!
publicidade