1 evento ao vivo

Com Mari e Paula Pequeno, Fenerbahce vence e adia duelo com Osasco

17 out 2012
12h50
atualizado às 18h25

O duelo entre Fenerbahce (Turquia) e Kenya Prisons (Quênia) encerrou na manhã desta quarta-feira a fase de grupos do Campeonato Mundial de Vôlei entre clubes. Com as ponteiras brasileiras Paula Pequeno e Mari na equipe, os turcos venceram, garantiram o primeiro lugar no Grupo B e fugiram das brasileiras do Sollys Osasco no confronto da semifinal.

Após estrear com uma vitória fácil sobre o Bohai Bank, da China, o Sollys/Osasco teve um pouco mais de trabalho na manhã desta segunda-feira em Doha, no Catar. Jogando contra o atual campeão mundial, o Rabita Baku, do Azerbaijão, a equipe brasileira venceu por 3 sets a 1, parciais de 22/25, 25/20, 25/19 e 25/19, em partida válida pela segunda rodada do Campeonato Mundial de Clubes.
Após estrear com uma vitória fácil sobre o Bohai Bank, da China, o Sollys/Osasco teve um pouco mais de trabalho na manhã desta segunda-feira em Doha, no Catar. Jogando contra o atual campeão mundial, o Rabita Baku, do Azerbaijão, a equipe brasileira venceu por 3 sets a 1, parciais de 22/25, 25/20, 25/19 e 25/19, em partida válida pela segunda rodada do Campeonato Mundial de Clubes.
Foto: FIVB / Divulgação

A partida foi tranquila para o Fenerbahce, que precisou apenas de 1h03 para sacramentar a vitória por três sets, todos fechados com mais de oito pontos de diferença: 25/14, 25/17 e 25/11.

A maior pontuadora da partida foi a capitã e ponteira Seda Tokatlioglu, que marcou 13 pontos, sendo oito em ataques e cinco de bloqueio. A brasileira Mari anotou apenas um tento a menos: 12, sendo oito de ataque, um de bloqueio e três de saque. Os pontos por erros dos adversários também favoreceram as turcas: o Kenya Prisons cedeu 29 pontos, enquanto o Fenerbahce errou apenas 10 vezes.

Encerrada a primeira fase, tem início a semifinal da competição. Classificado em primeiro lugar no Grupo A, com 100% de aproveitamento, o Sollys Osasco enfrentará o Lancheras de Catano, do Peru. O Fenerbahce, que assim como a equipe brasileira venceu os seus dois confrontos, terá pela frente o Rabita Baku, do Azerbaijão, que fechou a fase de grupos na segunda colocação da primeira chave.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
publicidade