1 evento ao vivo

Brasil reage, mas cai no tie-break e volta a perder para os EUA

27 jun 2012
04h29
atualizado às 13h23

Algoz das brasileiras nas últimas duas finais do Grand Prix, a seleção americana voltou a derrotar o time de Zé Roberto na madrugada desta quarta-feira, na estreia das duas equipes na fase final da atual edição do torneio, disputada em Ningbo, na China. Apesar de conseguir reagir a um começo ruim e levar o jogo para o tie-break, o Brasil saiu de quadra derrotado por 3 sets a 2 (25/19, 25/20, 20/25, 13/25 e 15/13) e voltou a perder para os Estados Unidos, que também já bateram as brasileiras por 3 sets a 1, na primeira fase, jogando em São Bernardo do Campo.

» Brigas e dramas: relembre grandes momentos olímpicos
» Escolha a atleta mais bela dos Jogos Olímpicos de Londres 2012

O país da América Norte tem dominado os confrontos mais importantes entre as duas seleções desde a derrota diante do Brasil na final olímpica, em Pequim 2008. No encontro desta quarta-feira, a rivalidade entre as equipes ficou evidente no decorrer da partida, marcada por oscilações de ambos os times, demonstrações de nervosismo em quadra e irritação dos treinadores.

O jogo começou de forma desequilibrada, com amplo domínio da seleção americana, que não teve dificuldade para fazer 25 a 19. Ao melhorar o desempenho defensivo, as brasileiras conseguiram até liderar o placar por alguns momentos no segundo set, mas sofreram um "apagão" nos lances finais e viram os Estados Unidos vencerem por 25 a 20, com mais confiança e solidez até então.

No terceiro set, o bom aproveitamento brasileiro nos saques e no bloqueio mudou o panorama do jogo: pressionadas, as americanas também passaram a errar bastante e perderam por 25 a 20. O set seguinte foi ainda mais tranquilo para o time de Zé Roberto, que abriu incríveis 12 pontos de vantagem e venceu por 25 a 13. O neozelandês Hugh McCutcheon, técnico da seleção americana, demonstrou grande irritação com a queda do time e esbravejou contra as atletas nas paradas técnicas.

As broncas surtiram efeito. O tie-break reservou os pontos mais disputados do jogo e em nenhum momento foi liderado por uma das seleções com mais de dois pontos de vantagem. Apesar de demonstrar muita vontade, o Brasil levou a pior e perdeu por 15 a 13.

As brasileiras voltarão à quadra às 8h30 desta quinta-feira, contra as donas da casa, as chinesas. Na sequência, a tabela reserva duelos contra Cuba, Tailândia e Turquia.

Londres 2012 no Terra

O Terra, maior empresa de internet da América Latina, transmitirá ao vivo e em alta definição (HD) todas as modalidades dos Jogos Olímpicos de Londres, que serão realizados entre os dias 27 de julho e 12 de agosto de 2012. Com reportagens especiais e acompanhamento do dia a dia dos atletas, a cobertura contará com textos, vídeos, fotos, debates, participação do internauta e repercussão nas redes sociais.

Apesar de boa reação, Brasil perdeu para os EUA no tie-break
Apesar de boa reação, Brasil perdeu para os EUA no tie-break
Foto: FIVB / Divulgação
Fonte: Terra
publicidade