0

Márcio chega com moral para a 2ª etapa do Circuito Banco do Brasil

17 set 2013
13h28

O medalhista de prata na Olimpíada de Pequim Márcio vai em busca de mais um título em Vitória (ES). O veterano, que disputará a segunda etapa do Circuito Banco do Brasil de vôlei de praia ao lado de Ricardo neste final de semana, já foi campeão oito vezes na capital do Espirito Santo.

Na cidade, foi campeão de sete etapas do circuito nacional e ainda conquistou uma etapa do Circuito Mundial. As conquistas foram com três diferentes parceiros: Benjamin, Fábio Luiz e o seu atual parceiro Ricardo.

- Sempre tive uma relação muito boa com o público de lá. Gosto da cidade, que me traz uma energia positiva e onde tenho muitos amigos. Acho que, pelo fato de o Estado ser o maior produtor de atletas no vôlei de praia, a torcida tem um carinho maior por todos. Daí a paixão pelo esporte - disse Márcio, que venceu pela primeira vez na cidade em 2000, ao lado de Benjamin, com quem disputaria a Olimpíada de Atenas, em 2004.

O principal feito em Vitória foi conquistado também em 2000. Ao lado de Benjamin, ele foi campeão da última etapa do Circuito Mundial após uma final brasileira:

- Foi uma decisão contra Tande e Emanuel. Títulos como esse, ainda mais por uma competição internacional e dentro do nosso país, a gente não esquece. Naquela mesma temporada, eu e Benjamin ainda fomos campeões da outra etapa disputada no Brasil, realizada no Guarujá. Mas aí a final foi contra os irmãos Laciga, da Suíça.

Márcio reativou a parceria com o campeão olímpico Ricardo e logo no primeiro torneio eles foram vice-campeões (em Recife, na primeira etapa do circuito nacional). Márcio/Ricardo jogou entre os anos 2010 e 2011 e foi vice-campeão mundial em Roma.

O curioso é que tanto na final do Campeonato Mundial de 2011, quanto na decisão da primeira etapa do Circuito Banco do Brasil deste ano, em Recife (PE), eles perderam o título para a dupla Alison/Emanuel.

- Em Recife, por mal termos treinado, jogamos mais na base da técnica de cada um. Mas, como nos conhecemos muito bem, conseguimos fazer uma boa apresentação. O Ricardo veio treinar comigo em Fortaleza nesta semana e, depois de Vitória, irei para João Pessoa treinar com ele. Nosso objetivo é fortalecer cada vez mais a parte tática, ajudando um ao outro dentro de quadra, para que a gente não sofra aquela pressão de correr atrás do placar - completou o atleta de 39 anos e 1,92m.

Fonte: Lancepress! Lancepress!
publicidade