1 evento ao vivo

Nove meses após decisão olímpica, Fernanda Garay volta à Seleção

17 mai 2013
10h31

Responsável por marcar o ponto que deu a vitória ao Brasil na partida contra os Estados Unidos, na final dos Jogos Olímpicos de Londres, em 2012, Fernanda Garay volta a Saquarema, no Rio de Janeiro, para iniciar os trabalhos com a Seleção visando os próximos compromissos. Atualmente, ela é uma das quatro jogadoras campeãs olímpicas, ao lado de Dani Lins, Tandara e Adenízia, e sabe da responsabilidade que tem dentro do grupo.

"Tudo passou muito rápido. Antes eu era uma das mais novas do grupo, hoje sou uma das mais experientes. Aprendi muito com as meninas da equipe campeã olímpica em Londres. A Fabi sempre me ajudava no fundo de quadra e a Fabiana tomava conta da rede, por exemplo. Cada uma contribuía de alguma forma. Agora estamos com um grupo renovado, motivado e com novos objetivos. Procuro ajudar a seleção da melhor forma possível", declarou a ponteira.

Em Saquarema, 15 jogadoras se preparam para a disputa da Montreux Volley Masters, que será realizada de 28 de maio a 2 de junho, na Suíça, e para o Torneio de Alassio, de 4 a 10 de junho, na Itália, mas Fernanda não esconde o foco já em 2016, nas Olimpíadas do Rio de Janeiro.

"O Zé Roberto sempre lembra que o trabalho para os Jogos do Rio já começou. Teremos competições importantes antes das Olimpíadas, como o Mundial, que é um título que falta para o nosso grupo. No entanto, temos a oportunidade de conquistar um tricampeonato olímpico. Acredito que a emoção de jogar uma Olimpíada dentro do nosso país deve ser indescritível", comentou a jogadora.

Neste ano, Garay foi eleita a melhor atacante da Superliga na temporada 2012/2013 e foi vice-campeã da competição defendendo o Sollys/Nestlé. Agora, aos 26 anos, ela vive a expectativa de um momento novo na carreira, já que vai defender o Fenerbahçe, da Turquia, na próxima temporada. "No momento meu foco é todo Seleção. Como já joguei uma temporada no Japão, a ansiedade não é tão grande. Escutei muitas coisas boas dos brasileiros que já trabalharam e moraram na Turquia e isso me motivou bastante", concluiu.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
publicidade