1 evento ao vivo

Lorena admite choro por lesão e ressalta "Superliga bonita"

22 abr 2012
09h31

Allan Farina
Direto de São Bernardo do Campo

Principal arma ofensiva do Vôlei Futuro, Lorena sentiu fortes dores na panturrilha direita no começo do primeiro set da derrota para o Sada/Cruzeiro na final da Superliga masculina no último sábado e só volto à quadra no fim da parcial final, quando a vitória era improvável. Jogadores da equipe de Araçatuba admitiram que sua ausência foi determinante para o revés, mas o oposto evita considerar essa possibilidade.

» Vote na mais bela jogadora da Superliga feminina

"Eu acho que eles venceram como nós poderíamos ter vencido. Se eu não tivesse me machucado a história poderia ter sido outra, mas a vida é assim mesmo", afirmou Lorena, que deixou a quadra no terceiro set e recebeu tratamento médico por alguns minutos. Quando retornou ao jogo, não estava em sua melhor forma.

"O que vou fazer? Machuquei. Vou chorar? Chorei já. Não tem o que fazer", lamentou o jogador. Este foi o primeiro título do Sada/Cruzeiro, que venceu por 3 sets a 1 (parciais de 24/26, 25/18, 25/13 e 25/19).

Resignado, Lorena optou por celebrar a vasta presença do torcedor de Araçatuba, que fez barulho nas arquibancadas do Ginásio Poliesportivo de são Bernardo do Campo. O oposto ainda destacou o nível "bonito" da Superliga disputada pelo Vôlei Futuro.

"O torcedor de Araçatuba está de parabéns. Tem que ficar orgulhoso do grupo, da equipe. Foi um baita campeonato, gostoso, bonito. Não jogamos muito, mas final é final. Acho que me machuquei em um momento muito importante da equipe. Faz parte, a vida continua", afirmou.

Dores musculares tiraram Lorena de quadra no terceiro set
Dores musculares tiraram Lorena de quadra no terceiro set
Foto: Bruno Santos / Terra
Fonte: Terra

compartilhe

publicidade
publicidade