0

Barrichello dá conselho a Rosberg: saia da Mercedes

1 fev 2010
18h58
atualizado às 22h51

A longa parceria com Michael Schumacher na Ferrari parece ainda incomodar Rubens Barrichello. Nesta segunda-feira, primeiro dia de treinos coletivos da Fórmula 1 em Valência, o brasileiro foi perguntado sobre o conselho que daria para Nico Rosberg, novo companheiro do heptacampeão na categoria. E demonstrou alguma acidez na resposta.

"Saia já daí", disse o brasileiro, antes de ir além. "A única coisa que eu posso dizer a ele é que ele precisa ser rápido e não bater. Ross (Brawn) sempre irá dizer isso a ele antes de qualquer corrida", completou.

Ciente da concorrência que Nico Rosberg terá na Mercedes, Rubens Barrichello reconheceu que o jovem alemão deverá ter concorrência complicada com o retorno do compatriota à Fórmula 1. O brasileiro ainda fez elogios ao filho de Keke Rosberg, mas reconheceu que deverá ser difícil brigar por bons resultados tendo o heptacampeão a seu lado.

"Ele (Rosberg) é um grande talento. Desejo apenas o melhor a ele. Talvez amanhã (terça-feira), os jornais digam 'Rubens diz a Nico para deixar a Mercedes', mas eu não estou dizendo isso apenas como algo ruim", completou o brasileiro, confirmando o cenário assustador para o ex-piloto da Williams e afirmando que Schumacher deve ir além do terceiro tempo que consquistou nesta segunda-feira na Espanha.

"Conhecendo o que eu conheço, e vendo como Michael foi rápido hoje, será complicado. Desejo tudo de melhor para ele (Rosberg), porque sei que Michael é um cara rápido e que pode ser campeão. Se ele tiver as chances de ser campeão na mesma equipe de Michael, ele pode ser campeão em qualquer lugar. Vamos dizer assim", acrescentou.

Para Barrichello, Rosberg deverá sofrer com a concorrência de Schumacher na Mercedes
Para Barrichello, Rosberg deverá sofrer com a concorrência de Schumacher na Mercedes
Foto: AFP
Fonte: Redação Terra

compartilhe

publicidade