0

Campeonato Carioca de 2017 desagrada clubes pequenos

2 nov 2016
20h25
atualizado em 3/11/2016 às 09h43
  • separator
  • comentários

Alguns clubes de menor expressão do futebol do Rio ficaram contrariados com a fórmula de disputa do Estadual de 2017, aprovada nesta terça (1), em conselho arbitral da federação carioca. Alegam que são vítimas de uma ação coordenada entre os quatro grandes (Fla, Flu, Vasco e Botafogo) e a própria federação. Seis deles vão ter de jogar uma fase preliminar para ver quais os dois melhores que se juntarão aos demais 10 na sequência da competição.

Lance de Bangu x Madureira pelo Campeonato Carioca 2016
Lance de Bangu x Madureira pelo Campeonato Carioca 2016
Foto: Úrsula Nery/Federação Carioca de Futebol

Portuguesa, Bonsucesso, Tigres e Cabofriense, mantidos na Primeira Divisão do Rio ao fim do campeonato de 2016, e mais os dois que subiram da Segunda Divisão – Campos e Nova Iguaçu – não gostaram da medida. Eles vão se enfrentar na fase preliminar num torneio de alto risco. Dos seis, quem não chegar nas duas primeiras posições vai formar um quadrangular para que se decida quais os dois rebaixados para 2018.

“Todos os participantes teriam de começar a disputa nas mesmas condições no que diz respeito à possibilidade de rebaixamento, por exemplo. Essa leitura parece óbvia””, disse ao Terra o presidente de um dos seis clubes que se sentiram prejudicados.

De acordo com outro dirigente de mais um desses clubes de menor investimento, a mudança que reduz o número de jogos entre grandes e pequenos no Carioca foi discutida em 2015, mas sem a definição da fórmula atual. “Agora é que empurraram isso pra cima da gente.”

A federação do Rio contesta. Segundo comunicado enviado ao Terra, “em 2015 foi debatido no conselho arbitral a redução do número de participantes na fase principal para 12 clubes (o campeonato vem sendo disputado com 16), tendo a federação proposto 8 clubes classificados em função do campeonato anterior. Mas os membros do conselho decidiram pelos 10 melhores colocados”.

A entidade acrescenta que a fórmula foi novamente discutida e aprovada pelo conselho nesta terça (1), com o voto dos 16 clubes.

O Carioca de 2017, após a fase preliminar, vai contar com 12 integrantes, em dois grupos: Grupo B – Botafogo, Flamengo, Boavista, Madureira, Macaé e o segundo do Grupo A (fase preliminar). Grupo C – Vasco, Fluminense, Volta Redonda, Bangu, Resende e o primeiro da fase preliminar.

No primeiro turno (Taça Guanabara), os times enfrentam os do mesmo grupo, em jogo único. No segundo turno (Taça Rio), jogam contra os do outro grupo, também sem partidas de ida e volta.

 

Fonte: Especial para Terra

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade