3 eventos ao vivo

Colômbia x Uruguai: Terra acompanha minuto a minuto

27 jun 2014
23h22
  • separator
  • 0
  • comentários

O duelo a ser disputado no Maracanã neste sábado opõe duas seleções em momentos completamente diferentes nesta Copa do Mundo. Após passear no Grupo C, a Colômbia mantém 100% de aproveitamento e vive uma crescente no torneio. Já o Uruguai sofreu para sobreviver no “grupo da morte” e nestas oitavas de final tenta secar as lágrimas pelo desfalque do suspenso Luis Suárez, sua principal estrela. O Terra acompanha minuto a minuto a partida decisiva entre as seleções sul-americanas a partir das 17h (de Brasília).

<p>Cavani ter&aacute; a responsabilidade de liderar o ataque o uruguaio</p>
Cavani terá a responsabilidade de liderar o ataque o uruguaio
Foto: AFP

Quer acompanhar as notícias e jogos da sua seleção? Baixe nosso app. #TerraFutebol

A expectativa em torno dos colombianos era grande antes de o Mundial começar, e os resultados até aqui fazem jus ao otimismo. Superando a ausência de Falcao García, a Colômbia bateu Grécia, Costa do Marfim e Japão para tornar-se uma das quatro seleções que venceram as três partidas da fase de grupos. A seleção celeste, por outro lado, amargou derrota logo na estreia para a Costa Rica e precisou correr atrás do prejuízo contra Inglaterra e Itália.

No primeiro duelo, Luis Suárez foi cirúrgico ao aproveitar as poucas chances que teve para marcar duas vezes e dar a vitória aos uruguaios. Na decisão contra a Itália, porém, o atacante não manteve o desempenho e o Uruguai teve muitos problemas para vencer pelo placar mínimo. O triunfo seria motivo de alívio por representar a classificação às oitavas de final, mas a mordida de Suárez em Chiellini rendeu suspensão da Fifa e o goleador está fora da Copa do Mundo.

Agora é a vez dos uruguaios tentarem superar a ausência de seu grande craque. A seleção platina precisa seguir os passos da Colômbia para tentar manter o nível de atuação mesmo sem a grande referência no ataque. O capitão Diego Lugano garante que o desfalque não desanima o Uruguai. “Para nós não é o fim. Seguiremos em frente, com humildade, união, compromisso, reconhecimento dos erros e com a cabeça sempre erguida”, assegura.

Prevendo a ambição adversária, o colombiano Yepes lembra a má campanha da seleção celeste nas Eliminatórias, mas não ignora a grandeza da seleção adversária. “Uruguai é um rival difícil e deve-se respeitar como fizemos com nossos rivais de grupo. É uma equipe que tem mais história do que nós, mas devemos nos preparar para enfrenta-los de igual para igual porque não tem como voltar atrás no mata-mata”, atenta o capitão.

A história exaltada por Yepes será defendida por unhas e dentes pelo Uruguai neste sábado. Tentando conter os danos da polêmica suspensão a Suárez, o treinador Oscar Tabárez deve aprimorar o jogo defensivo de seus comandados. Dentre os classificados às oitavas de final, o Uruguai foi o segundo que menos acertou passes na fase de grupos – atrás apenas da Grécia. As 733 trocas de bola são resultado do estilo truncado.

<p>Armador colombiano, James Rodr&iacute;guez &eacute; um dos melhores jogadores do Mundial</p>
Armador colombiano, James Rodríguez é um dos melhores jogadores do Mundial
Foto: Getty Images

Com a disciplina tática dos atletas, a estratégia pode dar tão certo quando deu contra a Inglaterra. Na ocasião, os uruguaios recolheram-se na defesa e não foram tão incomodados pelo pouco criativo adversário. Por outro lado, sofreram muito quando precisaram buscar o jogo frente à fechada Itália. Assim, basear a estratégia em contragolpes pode revelar-se um bom negócio nas oitavas de final. Sobretudo porque é o que os uruguaios sabem fazer melhor, mas também porque a Colômbia ainda não encarou um sistema defensivo desafiador neste Mundial.

Para o lugar de Luis Suárez, Oscar Tabárez tem duas principais opções. Se quiser manter o 4-4-2, usa o atacante Stuani para suprir o desfalque, e assim segue tendo um jogador de movimentação ao lado de Cavani. A outra possibilidade é povoar o meio-campo com a entrada de Ramírez, que além de ajudar Lodeiro na armação também daria menos espaço para a criação colombiana.

Se o Uruguai tem muito que arrumar para esta decisão, a Colômbia está praticamente pronta. Mesmo com a goleada sobre o Japão na última terça-feira, os reservas voltam ao banco para a volta dos titulares. O técnico José Pekerman deve repetir a escalação usada nas duas primeiras partidas, centralizando o ataque no camisa 10 James Rodríguez.

FICHA TÉCNICA

COLÔMBIA X URUGUAI

Local: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
Data: 28 de junho de 2014, sábado
Horário: 17h (de Brasília)
Árbitro: Björn Kuipers (HOL)
Assistentes: Sander Van Roekel e Erwin Zeinstra (ambos da Holanda)

COLÔMBIA: Ospina; Zúñiga, Zapata, Yepes e Armero; Aguilar, Carlos Sánchez, James Rodríguez, Cuadrado e Ibarbo; Gutiérrez
Técnico: José Pekerman

URUGUAI: Muslera; Álvaro Pereira, Godín, Giménez e Cáceres; Cristian Rodríguez, Arévalo Ríos, González e Lodeiro; Stuani (Ramírez) e Cavani
Técnico: Óscar Tabárez

Ouça as principais músicas do Mundial:

Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade