0

Técnico do Strasbourg vai explicar críticas a Neymar para comitê disciplinar

Thierry Laurey questionou postura do atacante em jogo que causou nova lesão em atacante do PSG

30 jan 2019
17h28
  • separator
  • comentários

Thierry Laurey, técnico do Strasbourg, vai ter de comparecer diante do Comitê Disciplinar da Federação Francesa de Futebol (FFF) depois de ter afirmado que Neymar teria provocado seus jogadores, durante a partida de quarta-feira passada, pela Copa da França, na qual o brasileiro deixou o gramado machucado.

Também foi convocado Anthony Gonçalves, jogador do Strasbourg, que deu declarações semelhantes ao do treinador sobre o jogo em que Neymar acabou substituído após sofrer três faltas seguidas de Moataz Zemzemi.

"Chega um ponto em que você tem que assumir isso. Assumir significa que eles lhe darão alguns golpes. Eu entendo que meus jogadores estão fartos de vê-los rir deles", disse o treinador. "Ele (Neymar) não é intocável e ele também pode sofrer faltas." E completou: "Não há problema em proteger as pessoas, mas você também tem que dar limites." Anthony Gonçalves disparou: "Você pode se divertir, mas depois não venha choramingar."

Neymar vai ser submetido a um tratamento para curar a lesão no quinto metatarso do pé direito, o mesmo que foi machucado no ano passado. Desta vez, o atacante ficará em tratamento por dez semanas.

O treinador do Strasbourg, posteriormente, pediu desculpas e assegurou não saber da lesão do jogador do PSG.

Estadão

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade