1 evento ao vivo

Juventus está a um empate do inédito octocampeonato italiano

Após eliminação na Liga dos Campeões, time de Turim tem a chance de faturar título nacional diante da Fiorentina

20 abr 2019
04h41
atualizado às 04h41
  • separator
  • 0
  • comentários

Basta um empate para a Juventus neste sábado, diante da Fiorentina, em Turim, para a equipe garantir o seu oitavo título consecutivo no Campeonato Italiano . A tarefa parece fácil, mas a Juve não vive um bom momento. O time vem de dois resultados ruins: perdeu para o modesto Spal no último fim de semana e na terça-feira foi eliminado da Liga dos Campeões pelo Ajax, da Holanda.

Após 32 rodadas, a Juventus lidera o Italiano com 84 pontos. O segundo colocado é o Napoli, que soma 67. Mesmo em caso de tropeço hoje, a Juve pode ser campeã se o Napoli não derrotar o Atalanta segunda-feira, no encerramento da rodada. A Juventus só não ficará com a taça se perder os seus últimos seis jogos e o Napoli tiver 100% de aproveitamento até o fim do campeonato.

Entre as seis principais competições nacionais na Europa, englobadas pelas ligas da Espanha, da Inglaterra, da Alemanha, da Itália, da França e de Portugal, nunca um time conquistou oito títulos em sequência. Se faturar o seu 35.º scudetto, o clube terá quase o dobro do que possuem Milan e Inter de Milão, com 18 taças cada.

Os números da atual campanha da Juventus são incríveis: 27 vitórias, três empates e apenas duas derrotas, com 65 gols a favor e 22 contra.

Apesar de o time estar muito próximo de mais um título, o clima não é dos melhores no clube. As ações da Juventus operaram em queda de 17,66% na quarta-feira na Bolsa de Milão um dia após a eliminação nas quartas de final da Liga dos Campeões. A diretoria italiana contratou no ano passado o português Cristiano Ronaldo por 100 milhões de euros (R$ 441 milhões na cotação atual) com a expectativa de conquistar a Liga dos Campeões, após derrotas nas finais de 2015 para o Barcelona e de 2017 para o Real Madrid, mas eliminação diante do Ajax caiu como um balde água fria no clube.

De acordo com o jornal italiano La Reppublica, a derrota na competição europeia deixou o craque desiludido e ele deve ficar só mais um ano em Turim, apesar de ter contrato válido até 2022. Ainda segundo o La Reppublica, Cristiano Ronaldo teria exigido ao clube italiano investimentos em reforços de peso para a próxima temporada.

Quem também pode deixar a Juventus é o técnico Massimiliano Allegri. Segundo informações do canal de televisão Sky Sports, a diretoria já fez uma consulta a Antonio Conte, que está sem clube desde a sua saída do comando do Chelsea.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade