PUBLICIDADE
Logo do

Flamengo

Meu time

Flamengo e Cruzeiro fazem esvaziado choque de campeões

7 dez 2013 09h04
| atualizado às 12h02
ver comentários
Publicidade

Os campeões da Copa do Brasil e do Campeonato Brasileiro vão se encontrar neste sábado, às 19h (de Brasília), no Maracanã, no Rio de Janeiro, pela última rodada do Campeonato Brasileiro. Porém, o confronto entre Flamengo e Cruzeiro está muito longe de ser atraente. Isso porque as equipes apenas cumprem tabela, ansiosas pela chegada de 2014, quando terão a Copa Libertadores da América pela frente.

<p>Marcelo Oliveira tem peroblemas para escalar o Cruzeiro</p>
Marcelo Oliveira tem peroblemas para escalar o Cruzeiro
Foto: Ramon Bitencourt / Agência Lance

A equipe celeste parece de férias, terá uma formação reserva e acumula duas derrotas recentes, sendo a última por 2 a 1 para o Bahia. O time, porém, com 75 pontos, se vencer vai se igualar ao São Paulo de 2006, recordista em uma edição do Brasileiro desde que 20 equipes passaram a jogar. Já o time rubro-negro, com 48 pontos, quer deixar uma boa impressão na despedida.

Jayme de Almeida, técnico do Flamengo, tem deixado claro que a equipe precisa encarar essa partida com o máximo de seriedade. Ao longo dos treinos da semana ele chegou a chamar a atenção de alguns jogadores que pareciam desinteressados.

"Nós precisamos fechar o ano de maneira positiva, deixando uma boa impressão para os nossos torcedores. O Flamengo foi vitorioso na Copa do Brasil e precisa mostrar que poderia ter chegado mais longe no Campeonato Brasileiro. Será um confronto de campeões, entre times que fizeram bonito e precisam sair de maneira digna de 2013", disse Jayme.

&amp;amp;amp;amp;amp;amp;lt;a data-cke-saved-href=&amp;amp;amp;amp;amp;quot;http://esportes.terra.com.br/infograficos/flamengo-campeao-copa-brasil-2013/&amp;amp;amp;amp;amp;quot; href=&amp;amp;amp;amp;amp;quot;http://esportes.terra.com.br/infograficos/flamengo-campeao-copa-brasil-2013/&amp;amp;amp;amp;amp;quot;&amp;amp;amp;amp;amp;amp;gt;Flamengo - Campe&amp;amp;amp;amp;amp;atilde;o Copa do Brasil 2013&amp;amp;amp;amp;amp;amp;lt;/a&amp;amp;amp;amp;amp;amp;gt;

Marcelo Oliveira, técnico do Cruzeiro, pensa de maneira parecida. "Trata-se de um jogo em que os dois times precisam mostrar o comprometimento exibindo ao longo de todo o ano deste e que foi determinante para as conquistas que eles tiveram", disse Marcelo.

O jogo também será um reencontro aos times, já que eles duelaram nas oitavas de final da Copa do Brasil. Naquela ocasião, o time celeste ganhu por 2 a 1 em Minas Gerais, mas foi eliminado no Rio de Janeiro por conta do gol qualificado, já que caiu por 1 a 0. Os flamenguistas, porém, parecem não ver ligações entre aqueles jogos e a partida deste sábado.

<p>Jayme não quer acomodação no elenco flamenguista</p>
Jayme não quer acomodação no elenco flamenguista
Foto: Daniel Ramalho / Terra

"Foram jogos disputados, mas que ficaram no passado e nada têm a ver com o que vai acontecer neste sábado. Agora os times estarão mais leves, pois não há a necessidade de vitória. Portanto, tenho convicção de que o torcedor que for a campo vai ver um belo confronto", disse o volante Luiz Antonio, que no primeiro turno do Brasileiro viu a equipe perder por 1 a 0 para os mineiros.

Em termos de escalação, Jayme de Almeida deixou claro que não pretende preservar muitos jogadores e vai contar com o que há de melhor. Os desfalques, porém, existem. Os goleiros Felipe, com dores musculares na perna direita, e Paulo Victor, que retirou um dente, não jogam. César terá a oportunidade de começar.

Na zaga, Wallace, que foi expulso na derrota de 4 a 2 para o Vitória e terá que cumprir suspensão, não atua. Assim, o setor será composto por Samir e pelo chileno Marcos González. O volante Elias foi liberado para resolver problemas particulares. Diego Silva assume o posto.

O Cruzeiro não poderá contar com o atacante Dagoberto. O jogador ficará de fora do jogo por ter recebido o terceiro cartão amarelo contra o Bahia, no Mineirão, e terá de cumprir suspensão automática. William é o mais cotado para ocupar a vaga diante dos cariocas.

Além de Dagoberto, o técnico Marcelo Oliveira terá outros desfalques. Ricardo Goulart e Everton Ribeiro estão fora. Goulart sente dores no joelho, enquanto Ribeiro machucou a virilha, mas de qualquer forma o craque do Brasileiro seria liberado da partida já que vai se casar em São Paulo.

&amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;lt;a data-cke-saved-href=&amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;quot;http://esportes.terra.com.br/infograficos/cruzeiro-campeao-brasileirao-2013/&amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;quot; href=&amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;quot;http://esportes.terra.com.br/infograficos/cruzeiro-campeao-brasileirao-2013/&amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;quot;&amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;gt;Cruzeiro - Campe&amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;atilde;o Brasileir&amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;atilde;o 2013&amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;lt;/a&amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;gt;

Outro problema para Marcelo Oliveira é o volante Nilton, baixa certa. O atleta se recupera de lesão na panturrilha direita e só volta a jogar em 2014. No confronto contra o Bahia, o treinador escalou Souza na vaga. Neste sábado, a equipe terá Leandro Guerreiro, Tinga e Souza formando um trio de volantes. Lucas Silva, titular absoluto, será poupado.

Com o título antecipado, o comandante cruzeirense decidiu descansar praticamente todo o time celeste, e vai escalar apenas Bruno Rodrigo, considerado titular. O duelo contra os cariocas no Maracanã não vale muito para a classificação do Brasileiro, mas servirá para a troca de faixas entre os campeões do Brasileirão e da Copa do Brasil.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade