1 evento ao vivo

Chape pega o Independiente na Sul-Americana; Santa Cruz tenta virada

27 set 2016
20h11
atualizado em 28/9/2016 às 08h41
  • separator
  • comentários

Para igualar a campanha de 2015 na Copa Sul-Americana, a Chapecoense terá um fator importante contra o Independiente de Avellaneda: sua torcida. Após o empate sem gols na argentina, o Verdão do Oeste precisa de uma vitória simples na Arena Condá nesta quarta, às 19h15 (de Brasília), para garantir uma vaga nas quartas de final do torneio.

Confiante de que a pressão da Arena vais ser um diferencial no confronto, o técnico Caio Júnior convocou os torcedores da equipe para a dura partida. "Será uma guerra. O torcedor pode sim fazer a diferença e tem uma grande possibilidade de avançar, de fazer história", afirmou nesta segunda-feira.

Sem suspensões, a Chape poderá vir com força total para a decisão, podendo repetir a escalação da partida na Argentina: Danilo; Gimenez, Thiego, Filipe Machado e Dener Assunção; Matheus Biteco, Josimar e Cleber Santana; Thiaguinho, Lourency e Kempes. O artilheiro Bruno Rangel também está à disposição do treinador.

Assim como Caio Júnior, o técnico do Independiente, Gabriel Milito, poderá ter a equipe do primeiro jogo, com Campaña; Damián Martínez, Jorge Figal, Victor Cuesta e Tagliafico; Ortiz, Diego Rodríguez e Crístian Rodríguez; Benitez, Diego Vera e Rigoni.

Um novo empate em 0 a 0 na Arena Condá leva a decisão para os pênaltis, enquanto qualquer outra igualdade com gols classifica o time argentino. Em 2015, a Chapecoense caiu para o River Plate nas quartas de final, saindo do confronto com um triunfo em 2 a 1 em Chapecó e um gol anotado no Monumental de Nuñez, em Buenos Aires, na derrota por 3 a 1.

Santa Cruz precisa vencer com boa vantagem para se classificar

Jogando contra outro Independiente, o de Medellin, da Colômbia, o Santa Cruz tem uma tarefa um pouco mais difícil que a da Chape. Após perder por 2 a 0 no jogo de ida, a equipe de Doriva precisa de uma vitória larga no Arruda para seguir na competição.

O técnico Doriva afirmou, após a derrota no Brasileirão para o Figueirense, que irá com força total para a partida, não poupando esforços. A decisão da vaga nas quartas de final acontece nesta quarta-feira às 21h45.

Após ter feito o reconhecimento de gramado no Arruda na manhã desta terça-feira, o técnico Leonel Alvarez alertou para a subida ao ataque dos laterais do Santa e colocou grande importância nas roubadas de bola e ligações rápidas com os contra-ataques.

Junior recebe o Wanderers

No único jogo desta quarta-feira que não conta com a presença de brasileiros, o Junior recebe o Wanderers Montevideo, do Uruguai, no Estádio Metropolitano, em Barranquilla, na Colômbia, às 19h15(de Brasília), pela rodada de volta das oitavas de final da Copa Sul-Americana.

No confronto de ida os dois times empataram sem gols e quem ganhar dessa vez vai avançar, sendo que novo 0 a 0 forçará a disputa de pênaltis. Igualdade com gols, ou seja, a partir de 1 a 1, serve aos uruguaios, pois os tentos anotados como visitante valem para critério de desempate

Quem avançar deste duelo vai cruzar nas oitavas de final com o vitorioso do choque entre Chapecoense e Independiente, que duelam também nesta quarta-feira no interior de Santa Catarina. No duelo de ida, na Argentina, também houve empate sem gols.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • comentários
publicidade