PUBLICIDADE
Logo do

Fluminense

Meu time

Corinthians busca empate no Maracanã e amplia desespero do Flu

7 out 2009 23h46
| atualizado em 8/10/2009 às 02h05
Publicidade

Três dias depois de uma derrota para o rival Flamengo e cada vez mais próxima de voltar à segunda divisão do Campeonato Brasileiro em 2010, a torcida do Fluminense teve nova decepção na noite desta quarta-feira. De volta ao Estádio do Maracanã, palco do revés para os rubro-negros, o lanterna do torneio nacional abriu vantagem no primeiro ataque do jogo, mas novamente mostrou suas falhas em seguida, ao ceder o empate por 1 a 1 ao Corinthians, resultado que aumenta o clima de crise no elenco dirigido pelo técnico Cuca.

» Veja fotos de Flu x Corinthians
» Veja a classificação atualizada
» Confira a tabela e os resultados
» Receba os gols do seu time pelo celular
» Problemas no estádio? Mande seu relato
» Comente o empate no Maracanã

Com apenas uma vitória nos últimos nove compromissos, o Fluminense é o principal candidato à queda para a Série B do ano que vem. Com apenas quatro triunfos em 28 rodadas disputadas, soma agora 22 pontos, dois a menos que o Sport, atual vice-lanterna. No entanto, a situação se torna mais agravante quando vê o número de pontos do Santo André, 15º colocado e primeiro time fora do rebaixamento. Faltando dez jogos até o final do campenato, tem sete a menos que o time do ABC.

Já o Corinthians, garantido na Libertadores do ano que vem graças ao título da Copa do Brasil, conquistado no primeiro semestre da temporada, apenas cumprirá tabela no restante do torneio, apesar de se aproximar a cada rodada da parte de baixo da tabela. Agora com 39 pontos, ocupa a décima posição, mas pode ser ultrapassado pelo Avaí nesta quinta-feira, dia em que os catarinenses encaram o líder Palmeiras no Palestra Itália. Além disto, atingiu a incômoda marca de cinco partidas consecutivas sem vitórias.

Sem a presença do artilheiro Ronaldo, que nem viajou ao Rio de Janeiro para aprimorar a forma física em São Paulo, o Corinthians teve a presença do argentino Defederico entre os titulares e o meia-atacante Edno no banco de reservas. No entanto, nem teve tempo para experimentar a mudança e foi surpreendido logo aos 3min de jogo, quando Paulo André falhou na tentativa de rebater um escanteio e deixou Alan livre para empurrar para as redes e dar esperanças ao torcedor tricolor.

O gol serviu para dar moral ao lanterna, que parou na trave em chute de Conca e quase aumentou a vantagem. No entanto, caiu de rendimento nos minutos seguintes e sofreu o empate em uma jogada coletiva do Corinthians. Com 23min jogados, Alessandro fez cruzamento da direita, Jorge Henrique teve tranquilidade para ajeitar com o peito e Dentinho entrou em velocidade para escorar de cabeça e vencer o goleiro Rafael.

Já na etapa final, com as marcações levando a melhor, os atacantes ainda tiveram poucas chances, mas pararam nas presenças dos goleiros dos dois times. Em situação delicada e precisando desesperadamente da vitória, o Fluminense partiu para cima e esboçou uma pressão de forma desorganizada, no entanto esbarrou no nervosismo de seus homens de frente e novas intervenções de Felipe, que garantiu o empate no Rio de Janeiro.

FICHA TÉCNICA

FLUMINENSE 1 x 1 CORINTHIANS

Gols
FLUMINENSE: Alan, aos 4min do 1º tempo
CORINTHIANS: Dentinho, aos 23min do 1º tempo

Ponto Forte do FLUMINENSE
- Atuação de Conca, que mostrou ser o mais sólido do time, se esforçou e por pouco não marcou o segundo dos mandantes no primeiro tempo, quando parou na trave

Ponto Forte do CORINTHIANS
- Desempenho de Jorge Henrique, autor da assistência para Dentinho no gol dos visitantes e principal organizador dos contra-ataques

Ponto Fraco do FLUMINENSE
- Fragilidade na saída de bola, principalmente com o volante Diguinho, e fraco poder ofensivo da dupla Adeílson e Alan

Ponto Fraco do CORINTHIANS
- Atuação abaixo do esperado do argentino Defederico, que pouco demonstrou no período em que esteve em campo e acabou sendo substituído por Souza no segundo tempo

Personagem do jogo
Conca, do Fluminense

Esquema Tático do FLUMINENSE
4-4-2
Rafael; Mariano, Gum, Luiz Alberto e Dieguinho (Roni); Diogo, Diguinho, Darío Conca e Fábio Neves (González); Alan e Adeílson (Tartá); técnico: Cuca

Esquema Tático do CORINTHIANS
4-4-2
Felipe; Alessandro, Paulo André, William e Balbuena; Marcelo Mattos (Edu), Jucilei, Elias e Matías Defederico (Souza); Jorge Henrique e Dentinho (Edno); técnico: Mano Menezes

Cartões Amarelos
FLUMINENSE: Diguinho e Mariano
CORINTHIANS: Balbuena, Dentinho, Marcelo Mattos, Souza e Paulo André

Árbitro
Wilton Pereira Sampaio (DF)

Local
Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)




Fonte: Terra
Publicidade